Esportes

Tite diz que deixará seleção após a Copa do Mundo

O treinador fez a declaração durante uma entrevista na manhã desta sexta-feira

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Tite diz que deixará seleção após a Copa do Mundo
fonte: Lucas Figueiredo/CBF

O técnico da Seleção Brasileira de futebol, Tite, revelou que irá deixar o comando da equipe após a Copa do Mundo do Catar, que acontece em dezembro deste ano. O treinador fez a declaração nesta sexta-feira (25), durante uma entrevista ao programa "Redação", do SporTV.

continua após publicidade

"Estou muito focado no trabalho, sei do ciclo. Tive uma oportunidade que muitos outros profissionais poderiam ter tido ao longo da história: (Rubens) Minelli, Ênio Andrade, Abel Braga, vários profissionais que poderiam estar aqui. Não convém responder agora (quando deixará o comando da Seleção), mas eu tenho consciência do meu ciclo. Este ciclo vai até o final do Mundial. Não é momento de falar sobre isso, mas não quero me omitir", afirmou.

Tite foi anunciado na Seleção em junho de 2016, após a saída de Dunga. Desde então, comandou o Brasil em uma Copa do Mundo (2018) e seu único título até aqui é a Copa América de 2019.

continua após publicidade

"Eu divido as duas etapas na Seleção, a primeira foi muito difícil, pois não teve começo, meio e fim, peguei no meio das Eliminatórias. Hoje eu vivo um ciclo completo, isso me moveu. Eu, ao longo da carreira, fui um construtor de equipe. A continuidade, talvez, tenha sido pelo desempenho na primeira etapa e resultados. Temos equipe, em 45 jogos oficiais, com 90 gols de saldo, isso é equilíbrio. Temos 2 derrotas nesses 45 jogos, foi o jogo da Bélgica e a final da Copa América. Os resultados alavancam e a solidez defensiva", respondeu Tite, fazendo um balanço sobre seu trabalho na Seleção.

Com informações do site Terra.