Mais lidas

    Esportes

    Esportes

    Thiago Monteiro perde mais uma e cai na estreia do quali do Masters 1000 de Madri

    Escrito por Da Redação
    Publicado em 01.05.2021, 16:56:00 Editado em 01.05.2021, 17:03:04
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Não foi neste sábado que o tenista brasileiro Thiago Monteiro encerrou a sua sequência de derrotas no circuito profissional. Em sua estreia no qualifying do Masters 1000 de Madri, disputado em quadras de saibro na Espanha, ele lutou por mais de três horas com o americano Marcos Giron e acabou perdendo a quinta partida seguida, eliminado em três sets e dois tie-breaks, com as parciais de 6/4, 6/7 (12/14) e 7/6 (7/4).

    Em uma partida bastante equilibrada, fez a diferença o desempenho de Marcos Giron com o primeiro serviço, vencendo 84% dos pontos contra 69% de Thiago Monteiro. O americano terá agora pela frente, na última rodada do qualifying, o japonês Yoshihito Nishioka, cabeça de chave número 2 do classificatório, que bateu o uruguaio Pablo Cuevas com um duplo 6/4.

    Mas o Brasil será representado por três tenistas na chave principal de duplas no Masters 1000 de Madri. Dois deles se enfrentarão logo na primeira rodada. De volta ao circuito profissional após perder o começo da temporada de saibro se recuperando de uma lesão nas costas, Bruno Soares retoma a parceria com o britânico Jamie Murray. Juntos eles serão os cabeças de chave 8 e terão como rivais na estreia o compatriota Marcelo Melo e o holandês Jean-Julien Rojer.

    "A expectativa para essa temporada de saibro é muito boa. Feliz de voltar depois dessa pausa, estou totalmente recuperado das costas e também treinei muito bem, com bastante trabalho de quadra e de academia. Muito empolgado para jogar os Masters 1000 e me preparar da melhor maneira para Roland Garros, que é o nosso maior objetivo", disse Bruno Soares.

    O outro brasileiro em ação no saibro de Madri será o gaúcho Marcelo Demoliner, que terá ao seu lado o russo Daniil Medvedev. A dupla, que iria jogar o Masters 1000 de Montecarlo há três semanas, mas foi impedida com o caso de covid-19 do tenista da Rússia, estreará já neste domingo enfrentando os britânicos Daniel Evans e Neal Skupski.

    NA ALEMANHA - Se 2020 foi terrível para o georgiano Nikoloz Basilashvili, chegando a sofrer nove derrotas consecutivas, 2021 tem sido muito melhor. Campeão no ATP 250 de Doha, no Catar, ele terá a chance de conquistar mais um título neste ano, agora no saibro do ATP 250 de Munique, na Alemanha.

    Para chegar à final, Basilashvili teve que superar uma rodada dupla neste sábado. Primeiro completou a vitória sobre o eslovaco Norbert Gombos, em partida interrompida no dia anterior por causa da chuva. O georgiano marcou duplo 6/4 sobre o rival e avançou para a semi.

    O segundo jogo do dia foi contra o norueguês Casper Ruud, que mais cedo também entrou em quadra para terminar a partida frente ao australiano John Millman, marcando parciais de 6/3 e 6/4. Basilashvili não deu muitas chances ao cabeça de chave 2 e triunfou com imponentes 6/1 e 6/2.

    No outro lado da chave, o alemão Jan-Lennard Struff, sétimo favorito, acabou com a festa do belorusso Ilya Ivashka, responsável pela eliminação do ídolo local Alexander Zverev, e venceu com parciais de 6/4 e 6/1.

    EM PORTUGAL - A final do ATP 250 do Estoril verá jogadores de carreiras bem distintas se enfrentando pelo título. Um deles será o britânico Cameron Norrie, de 25 anos, que bateu o croata Marin Cilic nas semifinais, com parciais de 7/6 (7/5) e 7/5, mas ainda não tem sequer 20 vitórias no saibro e buscará justamente neste piso o seu primeiro título.

    O outro concorrente a levantar a taça será o experiente espanhol Albert Ramos Viñolas, que tem mais de 160 triunfos na superfície e duas conquistas, uma delas em Gstaad, na Suíça, em 2016, e outra em Bastad, na Suécia, em 2019. Na semifinal, ele venceu o duelo de compatriotas com Alejandro Davidovich Fokina em sets diretos, com o placar final de 6/1 e 6/4.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Esportes

    Deixe seu comentário sobre: "Thiago Monteiro perde mais uma e cai na estreia do quali do Masters 1000 de Madri"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.