Esportes

Seleção feminina joga mal o 1º tempo, se recupera no 2º e empata com a Espanha

Da Redação ·

Em um amistoso repleto de jogadas ríspidas, com nove cartões amarelos, a seleção brasileira feminina de futebol empatou, por 1 a 1, com a Espanha, em duelo disputado em Alicante. O Brasil volta a campo, na segunda-feira, às 15h30, contra a Hungria, em San Pedro del Pinatar. O time da técnica Pia Sundhage se prepara para a disputa da Copa América, que será classificatória para a Copa do Mundo.

continua após publicidade

Com apenas sete minutos de jogo, a Espanha abriu o placar em cobrança de falta de Alexia Putellas, apontada como a melhor jogadora do mundo. A bola desviou na barreira brasileira e enganou a goleira Lorena.

A seleção brasileira mostrou problemas para armação das jogadas. Com isso não conseguiu ficar muito tempo com a bola nos pés e a troca de passes ficou prejudicada.

continua após publicidade

A Espanha tinha domínio da partida e poderia ter aumentado a vantagem em pelo menos duas boas oportunidades. Merecia ter terminado os primeiros 45 minutos na frente do placar.

Mas o empate do Brasil saiu aos 38 minutos em rara jogada na qual várias atletas trocaram passes, até que a bola chegou dentro da área para Geyse. A atacante usou bem o corpo para girar em torno da marcação e tocou de bico na saída da goleira Paños: 1 a 1. Os 15 minutos finais da etapa inicial foram os melhores do Brasil.

A seleção brasileira voltou melhor para o segundo tempo, concentrando suas jogadas pelo lado esquerdo em contra-ataques. Geyse teve pelo menos dois bons momentos, mas abusou do individualismo.

continua após publicidade

A Espanha permaneceu mais tempo com a bola nos pés, mas só conseguiu agredir aos 26 minutos, com Esther, mas Lorena, que já havia se destacado no primeiro tempo, voltou a fazer uma bela defesa, evitando o segundo gol espanhol. Aos 40, Esther voltou a finalizar com perigo, mas errou o alvo.

Os minutos finais foram de forte pressão das espanholas em bolas alçadas na área, mas Lorena fez mais três boas intervenções.