Esportes

São Paulo derrota Fluminense e abre 7 pontos na liderança do Brasileirão

Da Redação ·

O São Paulo entrou em campo para encarar o Fluminense já ciente que o Flamengo tinha empatado com o Fortaleza e o Atlético-MG ganhado do Coritiba. Era a chance de o time paulista abrir sete pontos na liderança do Campeonato Brasileiro, e foi isso que aconteceu na noite deste sábado: vitória por 2 a 1, no Maracanã, com dois gols de Brenner.

continua após publicidade

O Flamengo ainda tem um jogo a menos e enfrentará o São Paulo na última rodada, no Morumbi, mas a vantagem obtida pela equipe de Fernando Diniz é muito boa. Tem 56 pontos, contra 49 do Atlético-MG. Restam mais 11 rodadas para o fim do campeonato, e o São Paulo fica cada vez mais perto de encerrar o jejum de títulos e conquistar o hepta brasileiro. O Flu, por sua vez, soma 40 pontos e figura no sétimo lugar.

O São Paulo dominou o início da partida no Maracanã. Com boas trocas de passes, o time envolveu o Fluminense e abriu o placar aos 14 minutos, quando Reinaldo cruzou e Brenner aproveitou. O atacante, que esteve emprestado ao Fluminense em 2019, tem 22 gols marcados nesta temporada, sendo cinco no Maracanã.

continua após publicidade

"Aqui é um templo sagrado do futebol brasileiro, fico feliz de marcar, meu pai é fã do Maracanã, e aqui cada vez mais me sinto melhor. Estou feliz pelo gol", disse o artilheiro são-paulino, de 20 anos. O Maracanã é o segundo estádio onde Brenner mais balançou as redes, atrás apenas do Morumbi.

O São Paulo chegava com facilidade à área adversária no primeiro tempo, mas cansou de desperdiçar contra-ataques e não caprichou nas finalizações. O Fluminense, por sua vez, pouco assustava, sem mostrar poder de reação.

Na etapa final, porém, o time carioca voltou mais atento. E Fred aproveitou erro de Gabriel Sara na saída de bola para empatar a partida, aos seis minutos. O gol deu ânimo ao Fluminense, que passou a pressionar o São Paulo em busca da virada.

continua após publicidade

Talvez até pelo desgaste causado pela maratona de jogos do Brasileirão e da Copa do Brasil, já que Diniz tem escalado força máxima em todos os compromissos, o São Paulo caiu de rendimento no segundo tempo. À beira do campo, Fernando Diniz começou a gritar ainda mais com seus jogadores. Sem sucesso. A saída, então, foi mexer no sistema ofensivo, com a entrada de Vitor Bueno e Pablo.

Aos poucos, o São Paulo retomou o controle da partida. Foram duas boas chegadas ao ataque até marcar o segundo gol. Aos 26, Reinaldo enfiou boa bola para Sara, que cruzou de primeira. Brenner tentou a primeira e parou em Marcos Felipe, mas Pablo pegou o rebote e a bola sobrou para o artilheiro balançar a rede novamente.

O Fluminense, que não vence há três partidas sob o comando de Marcão, desperdiçou outra chance de entrar no G-6 do Brasileirão e ainda poderá perder a sétima colocação para o Santos neste domingo. A equipe até teve boa chance de empatar já nos minutos finais, mas Caio Paulista mandou para fora.

continua após publicidade

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE 1 x 2 SÃO PAULO

continua após publicidade

FLUMINENSE - Marcos Felipe; Calegari, Nino, Matheus Ferraz e Danilo Barcelos; Yuri (Miguel), Yago Felipe e Michel Araújo (Felippe Cardoso); Wellington Silva (Caio Paulista), Marcos Paulo (Lucca) e Fred. Técnico: Marcão.

SÃO PAULO - Tiago Volpi; Igor Vinícius, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Luan (Rodrigo Nestor), Daniel Alves, Gabriel Sara (Toró) e Igor Gomes (Vitor Bueno); Luciano (Pablo) e Brenner (Hernanes). Técnico: Fernando Diniz.

GOLS - Brenner, aos 14 minutos do primeiro tempo. Fred, aos 6, e Brenner, aos 26 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Yuri, Luan, Nino e Danilo Barcelos.

ÁRBITRO - Anderson Daronco (RS).

RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.

LOCAL - Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).