Esportes

Russo lidera último dia de testes coletivos em Abu Dabi e encerra 2021 da F-1

Da Redação ·

O russo Robert Shwartzman levou a Haas ao topo da tabela de tempos no segundo e último dia de testes coletivos de pós-temporada da Fórmula 1 em Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, na última vez que os carros foram à pista neste ano. O piloto júnior da Ferrari foi o único jovem a participar da sessão desta quarta-feira no circuito de Yas Marina, com o restante do grid usando "carros-mula" modificados com os novos pneus de 18 polegadas da Pirelli para 2022.

continua após publicidade

O russo estabeleceu a volta mais rápida, de 1min25s348, com 40 minutos restantes, dando a ele o primeiro lugar quase meio segundo à frente do britânico Lando Norris, da McLaren, que com 1min25s809 terminou na vice-liderança em uma versão variadas do MCL35M, completando mais de 100 voltas com os compostos da Pirelli que foram disponibilizados. O tempo de Shwartzman foi concluído com os pneus de 13 polegadas usados neste ano.

O alemão Sebastian Vettel se recuperou de um problema hidráulico pela manhã, que causou uma parada e uma bandeira vermelha no final do dia, e terminou em terceiro com a Aston Martin. Ele completou mais de duas distâncias de corrida para a equipe e estabeleceu sua volta mais rápida (1min26s379) nos últimos cinco minutos.

continua após publicidade

O britânico George Russell terminou em quarto pela Mercedes, a seis décimos do tempo de volta de Norris. O francês Pierre Gasly foi o quinto pela AlphaTauri à frente do espanhol Carlos Sainz Jr., melhor da sessão da manhã com a Ferrari, enquanto que o seu compatriota Fernando Alonso fez quase 150 voltas a caminho do sétimo lugar para a Alpine.

Estreante da Fórmula 1 em 2022, o chinês Guanyu Zhou completou voltas pela Alfa Romeo antes de sua estreia oficial no ano que vem, com a equipe colocando seu jovem piloto para correr na terça-feira. Ele também assumiu o lugar do finlandês Valtteri Bottas no "carro-mula" nesta quarta-feira e terminou em oitavo lugar geral, um décimo de segundo à frente do mexicano Sergio Perez, da Red Bull, com mais de 150 voltas.

O brasileiro Pietro Fittipaldi, com 1min28s622, fechou a ordem na 10.ª colocação com a Haas, que colocou seu "carro-mula" para rodar nesta quarta-feira. A Williams não participou da sessão de testes deste último dia de atividades, pois não tem um veículo do tipo disponível.

O retorno da Fórmula 1, agora, será apenas no segundo mês de 2022. A pré-temporada da categoria começa em Barcelona, na Espanha, entre os dias 21 e 25 de fevereiro. Depois, entre 10 e 12 de março, no Bahrein, os pilotos terão os últimos dias de testes antes do início da temporada, marcado para acontecer entre 18 e 20 do mesmo mês, ainda em Sakhir.