Esportes

Rúgbi feminino perde da França e tem poucas chances de classificação na Olimpíada

Da Redação ·

A seleção brasileira feminina de rúgbi perdeu a segunda partida nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, desta vez para a França pelo placar de 40 a 5, nesta quinta-feira, e dificultou as suas chances de classificação. A partida realizada no estádio Olímpico de Tóquio foi válida pela segunda rodada da competição.

continua após publicidade

O resultado garantiu a França - quarto lugar no Circuito Mundial de Rugby Sevens 2020 e sexto lugar no Rio-2016 - nas quartas de finais do torneio e até o momento em primeiro do Grupo B com 6 pontos. A seleção brasileira depende agora de uma vitória com larga vantagem no placar sobre Fiji nesta sexta-feira. E ainda torcer para as francesas derrotarem o Canadá por um placar alto que permita às brasileiras ficarem entre as melhores terceiras colocadas.

O Brasil entrou em campo com as forwards Mariana Nicolau, Luiza Campos e Raquel Kochhann (capitã), a scrum-half Isadora "Izzy" Cerullo e as backs Rafaela Zanellato, Leila Silva e Thalia Costa. As Yaras, como a seleção é conhecida, deram o chute inicial e propuseram o jogo nos primeiros dois minutos, mas alguns erros de passe propiciaram contra-ataques das francesas, que abriram o placar logo em seguida com try de Anne-Cecille Ciofani e conversão da back Jade Ulutule, um dos destaques do confronto.

continua após publicidade

A partir daí, a França determinou uma defesa bem coordenada para aproveitar novas brechas das linhas brasileiras e contra-atacar. Ampliou o placar para 19 a 0 com tries de Ciofani e Lina Guerin e outra conversão de Ulutule.

No segundo tempo, o técnico das Yaras, William Broderick, colocou em campo Thalita Costa, Haline Scatrut, Marina Fioravant e Bianca Silva, que arrancou por longa distância para anotar um try logo no início, os primeiros pontos das brasileiras no torneio. Porém, não sustentaram uma reação. As francesas voltaram a marcar com Guerin, Shannon Izar, Chloe Jaquet e Ulutule e concretizaram o triunfo.

Na fase classificatória do rugby sevens, avançam às quartas de finais as duas melhores seleções de cada um dos três grupos e as duas melhores terceiras colocadas. No momento, o Grupo A é liderado por Nova Zelândia (atual medalhista de prata) com 3 pontos, seguida da Grã-Bretanha com a mesma pontuação. Comitê Olímpico Russo e Quênia têm um cada. Já na chave C, Austrália (atual campeã olímpica) e Estados Unidos lideram com 6 pontos e China e Japão vêm atrás com 2.