Esportes

Ponte Preta ganha do CSA em confronto direto contra o rebaixamento na Série B

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A Ponte Preta conquistou importante vitória na noite desta quinta-feira, ao superar o CSA, por 1 a 0, no estádio Rei Pelé, em Maceió, pela 17ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Ambos figuram na zona de rebaixamento da competição.

continua após publicidade

A derrota aumentou para oito o número de partidas sem vitória do CSA, que ainda não ganhou sob o comando de Alberto Valentim - três empates e duas derrotas. Os alagoanos permaneceram com os mesmos 16 pontos, mas agora em 18º lugar.

Já a Ponte Preta voltou a vencer após cinco jogos e ganhou uma posição, justamente a que vinha sendo ocupada pelo CSA: é a 17ª, também com 18 pontos. Mesma pontuação que o Náutico, que ainda jogará na rodada.

continua após publicidade

CSA e Ponte Preta fizeram jus às suas posições na classificação com o futebol apresentado no primeiro tempo. Tecnicamente, a dupla deixou a desejar e abusou dos erros de passe. Ainda assim, cada time assustou pelo menos uma vez antes do intervalo.

Aos 32 minutos, Artur cruzou da esquerda e Wallisson cabeceou no canto esquerdo, obrigando o goleiro Marcelo Carné a fazer boa defesa. No rebote, Norberto dividiu com a marcação e não conseguiu completar para redes. O CSA respondeu aos 45, quando Osvaldo recebeu sozinho, mas tropeçou sozinho na área.

No segundo tempo, a Ponte Preta voltou melhor e abriu o placar aos 11 minutos. Giva Santos errou na saída de bola, Lucca entrou na área e finalizou no canto esquerdo de Marcelo Carné, sem chances de defesa para o goleiro do CSA. Foi o oitavo gol do atacante, artilheiro isolado da Série B.

continua após publicidade

Na frente do placar, a Ponte Preta não teve muito tempo de sossego. Isso porque, aos 17 minutos, o volante Wesley Fraga dividiu bola com Igor na lateral do campo e a arbitragem, com auxílio do VAR, entendeu por agressão do jogador da Ponte Preta e aplicou o cartão vermelho direto.

Mesmo com a vantagem numérica em campo, o CSA teve dificuldades de passar pela marcação da Ponte Preta. Além disso, as vaias e críticas das arquibancadas fizeram a bola queimar nos pés dos jogadores, tornando mais fácil a missão dos visitantes.

Em meio ao clima tenso da partida, a Ponte Preta poderia ter ampliado o placar aos 27 minutos, quando Danilo Gomes recebeu ótima passe de Artur, ele tirou da marcação e finalizou para ótima defesa do goleiro Marcelo Carné.

continua após publicidade

Nos minutos finais, o CSA armou verdadeira blitz pelo empate. O time trocou passes e alçou inúmeras bolas na área, mas prevaleceu a excelente marcação da Ponte Preta.

O CSA volta a campo na sexta-feira, dia 15 de julho, para enfrentar o Vila Nova, às 21h30, no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia. No mesmo dia, a Ponte Preta visitará o Criciúma, às 19 horas, no Heriberto Hulse, em Criciúma.

continua após publicidade

FICHA TÉCNICA

CSA 0 X 1 PONTE PRETA

CSA - Marcelo Carné; Igor (Lucas Marques), Wellington Nascimento, Lucão e Diego Renan; Geovane (Bruno Mezenga), Giva Santos (Sassá), Gabriel e Yann Rolim (Bruno Mota); Lucas Barcelos (Didira) e Osvaldo. Técnico: Alberto Valentim.

continua após publicidade

PONTE PRETA - Caíque França; Douglas Mendes, Fábio Sanches e Thiago Oliveira; Norberto (Bernardo), Wallisson, Wesley Fraga, Fessin (Danilo Gomes) e Artur; Lucca (Luiz Felipe) e Nicolas (Igor Formiga). Técnico: Hélio dos Anjos.

GOL - Lucca, aos 10 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Wagner do Nascimento Magalhães (RJ).

CARTÕES AMARELOS - Diego Renan (CSA); Thiago Oliveira e Bernardo (Ponte Preta).

CARTÃO VERMELHO - Wesley Fraga (Ponte Preta).

PÚBLICO E RENDA - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).