Mais lidas

    Esportes

    Esportes

    Ponte Preta bate Botafogo e fatura 1ª vitória no Paulistão

    Escrito por Da Redação
    Publicado em 13.03.2021, 21:50:00 Editado em 13.03.2021, 21:55:49
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Depois de conseguir a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil no meio de semana, a Ponte Preta conquistou a primeira vitória no Campeonato Paulista. Na noite deste sábado, em Ribeirão Preto, os alvinegros derrotaram o Botafogo-SP, por 1 a 0, no estádio Santa Cruz, pela quarta rodada. Léo Naldi anotou o único gol da partida.

    Com o resultado, a Ponte chegou aos quatro pontos, em terceiro lugar no Grupo B. O Botafogo segue com apenas um ponto e acumula três derrotas seguidas, duas delas para os rivais de Campinas.

    Além das situações delicadas na classificação, os dois times entraram em campo com os mesmos problemas. Juntos os dois times acumulavam 14 desfalques por causa de infecções por covid-19, sendo nove atletas.

    Os times começaram trocando ataques perigosos. Moisés, logo no primeiro minuto, finalizou de primeira, tentando surpreender Igor, mas a bola saiu por pouco. O troco do Botafogo veio com Dudu. Ele escapou pela esquerda, cortou a marcação e mandou para dentro da área. Richard não chegou a tempo e a bola saiu pela linha de fundo.

    A Ponte apresentou uma estratégia de pegar o adversário desprevenido nos contra-ataques. Numa dessas escapadas, Thalles bateu de fora da área e Igor defendeu do jeito que deu. Sem goleiro, João Veras se enrolou no momento da finalização e mandou para fora. O time campineiro, no entanto, sofreu no campo de defesa, dando espaços ao adversário.

    Dudu era o jogador mais perigoso dos donos da casa. Aos 39 minutos, o atacante recebeu de Rafael Marques e finalizou colocado. Ygor Vinhas teve que se esticar para mandar para escanteio.

    Antes do intervalo, os campineiros abriram o placar. Aos 45, Moisés foi até a linha de fundo e cruzou. Léo Naldi, no meio dos zagueiros, se esticou e completou para o gol.

    O Botafogo voltou dos vestiários indo para o tudo ou nada. No primeiro lance do segundo tempo, Richard carimbou a trave em cabeçada. Na sequência, aos cinco minutos, Ygor Vinhas teve que trabalhar. Em nova jogada aérea, o goleiro defendeu testada de Emerson Santos, que surpreendeu a defesa.

    A Ponte tentou aproveitar os espaços deixados em contra-ataques. Locatelli e João Veras acabaram parando em Igor. Em chance de Moisés, o goleiro do Botafogo fez um pequeno milagre. Thalles deixou o atacante de frente para o gol, em contra-ataque, mas o camisa 1 ribeirãopretano fez a defesa. No rebote, Pedrinho mandou para fora. No final, não deu para o Botafogo reagir e a Ponte comemorou a primeira vitória.

    FICHA TÉCNICA:

    BOTAFOGO 0 x 1 PONTE PRETA

    BOTAFOGO - Igor; Rodrigo Ferreira (Judivan), Victor Ramos, Fabão e Pará; Emerson Santos, Yan Victor (Luan), Renatinho (Michel) e Richard; Rafael Marques (Neto Pessoa) e Dudu (Denílson). Técnico: Alexandre Gallo

    PONTE PRETA - Ygor Vinhas; Marcos Júnior, Ruan Renato, Luizão e Jean Carlos (Anderson); Léo Naldi (Robinho), Vini Locatelli (Igor Maduro) e Thalles; Pedrinho (Papa Faye), Moisés e João Veras. Técnico: Fábio Moreno

    GOL - Léo Naldi, aos 45 minutos do primeiro tempo.

    CARTÕES AMARELOS - Richard, Rodrigo Ferreira (Botafogo); Jean Carlos, Marcos Júnior e Papa Faye (Ponte Preta).

    ÁRBITRO - Thiago Luis Scarascati.

    RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.

    LOCAL - Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP).

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Esportes

    Deixe seu comentário sobre: "Ponte Preta bate Botafogo e fatura 1ª vitória no Paulistão"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.