Esportes

Piloto da Fórmula Indy vai testar carro da McLaren em 'estreia' na Fórmula 1

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Colton Herta deve participar do programa de testes de carros anteriores da McLaren nos próximos dias. O norte-americano estará ao volante de um McLaren MCL35M de 2021 no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão, Portugal, que recebeu duas corridas de Fórmula 1 nas últimas duas temporadas.

continua após publicidade

Herta, de 22 anos, filho do ex-piloto Bryan Herta, é o décimo colocado no atual campeonato da Fórmula Indy e é apontado como um dos principais candidatos americanos a dar o salto para a Fórmula 1. Vencedor no Circuito das Américas com apenas 18 anos - o mais jovem vencedor de todos os tempos da Fórmula Indy - a McLaren decidiu dar a Colton Herta a oportunidade de pilotar um de seus carros, juntamente com Will Stevens, piloto de testes e de desenvolvimento da McLaren na F-1, nos próximos três dias.

"Colton é um talento comprovado na Fórmula Indy e estamos interessados em ver como ele se adapta a um carro de Fórmula 1", disse o chefe da equipe McLaren, Andreas Seidl. "Acreditamos que este programa de testes fornecerá a ele uma experiência valiosa, ao mesmo tempo em que demonstra o benefício de expandir os testes de carros anteriores para mostrar pilotos promissores para o futuro."

continua após publicidade

Herta não é o único piloto a tirar proveito dos regulamentos de Teste de Carros Anteriores. Jehan Daruvala também teve a oportunidade de pilotar o MCL35M em Silverstone há algumas semanas. O piloto indiano de Fórmula 2 conseguiu mais de 130 voltas em dois dias durante seu teste.

A McLaren também deu anteriormente ao piloto mexicano da Fórmula Indy, Pato O'Ward, uma oportunidade de pilotar máquinas de F1, no Abu Dhabi Young Driver Test do ano passado.