Esportes

Organização da Olimpíada confirma mais dois casos de covid entre atletas

Da Redação ·

O Comitê Organizador da Olimpíada de Tóquio registrou, em boletim divulgado nesta terça-feira, mais dois casos confirmados de covid-19 entre atletas participantes do evento. Os nomes não são divulgados na atualização fornecida pelos organizadores, mas um dos contaminados é o tenista holandês Jean-Julien Rojer, antiga dupla do brasileiro Marcelo Melo nos torneios da categoria.

continua após publicidade

O caso do tenista já havia sido anunciado em comunicado oficial da delegação dos Países Baixos, antes da divulgação do boletim do Comitê. "Fiz tudo o que pude, tanto antes, quanto estando aqui, para não me infectar. Não tenho ideia de como aconteceu. Me sinto terrível, e para meu parceiro Wesley também é terrível", lamentou o atleta.

No total, são sete novos casos confirmados, todos registrados ao longo da segunda-feira (conforme o fuso japonês). Quatro deles, incluindo os atletas contaminados, estavam hospedados na Vila Olímpica. Um funcionário da organização e uma pessoa envolvida com os

continua após publicidade

Jogos em outras funções foram diagnosticados com a doença em Chiba e Saitama.

Com os novos registros, O Comitê dos Jogos de Tóquio contabilizou 155 pessoas contaminadas pelo coronavírus desde o dia 1º de julho. Além disso, há outros cinco casos anunciados pelos governos municipais das cidades que sediam campos de treinamento, o que eleva o total para 160, com 81 residentes do Japão e 79 estrangeiros.