Esportes

Na volta da torcida, Coritiba bate o Guarani e abre 7 pontos na ponta da Série B

Da Redação ·

Não foi fácil e nem tranquilo, mas o Coritiba presenteou o retorno da sua torcida no estádio Couto Pereira, em Curitiba, com uma vitória sobre o Guarani por 1 a 0. Neste sábado, os times se enfrentaram pela 26.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B para 1.702 presentes. O mandante segurou o bom início do adversário e abriu o placar com Guilherme Biro, mas sofreu nos minutos finais, inclusive com pênalti perdido pelo time paulista, cobrado por Régis.

continua após publicidade

O Coritiba caminha a passos largos rumo ao retorno à elite. Há cinco jogos sem perder, sendo quatro vitórias, o time paranaense chegou a 52 pontos, sete a mais do que o vice-líder Goiás e nove a mais do que o Avaí, primeiro fora do G4, a zona de acesso. O Guarani, que estava invicto há cinco rodadas e podia entrar no G4, segue com 41 pontos e caiu para sexto lugar.

Mesmo fora de casa, o Guarani criou as primeiras duas chances de perigo, ambas com Júlio César. Na primeira tentativa, o atacante chutou muito forte de fora da área e a bola explodiu no peito do goleiro Wilson. Na segunda, ele bateu colocado e tirou do goleiro, mas também fora do gol.

continua após publicidade

Apesar do ímpeto dos visitantes, o Coritiba foi superior no primeiro tempo. Motivado pelo retorno da torcida, teve uma postura agressiva e abriu o placar aos 28 minutos. Val cobrou falta muito forte, o goleiro Rafael Martins deu rebote no meio da área e Guilherme Biro apareceu para completar. Os paranaenses quase ampliaram em jogada parecida, em que Robinho finalizou da entrada da área e exigiu defesa em dois tempos.

Na volta para o segundo tempo, o Coritiba começou melhor e exerceu pressão e teve chances com Léo Gamalho, Guilherme Biro e Igor Paixão. Este último cabeceou no cantinho e exigiu grande defesa de Rafael Martins.

A partir dos 20 minutos, o Coritiba recuou um pouco e deu mais espaço para o Guarani, que aproveitou e criou sua melhor chance até então. Bruno Sávio deu bom passe para Bidu, já dentro da área, chutar forte, mas Wilson salvou o time paranaense.

continua após publicidade

Em outro lance de grande perigo, Lucão do Break venceu a marcação dentro da área e chutou muito forte, mas Wilson fez mais uma grande defesa. No rebote, a zaga conseguiu desviar chute de Renanzinho. A pressão no fim deu resultado e, após revisão no VAR, a arbitragem marcou um pênalti para o Guarani aos 41 minutos. Régis foi para a cobrança, chutou bem forte, mas desperdiçou, acertando o travessão, na última chance de perigo do jogo.

O primeiro a voltar a campo será o Coritiba, que enfrenta o Confiança nesta terça-feira, às 21h30, de novo em casa. Na quarta, às 19 horas, o Guarani recebe o Cruzeiro no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP). Ambos os jogos serão pela 27.ª rodada.

FICHA TÉCNICA

continua após publicidade

CORITIBA 1 x 0 GUARANI

CORITIBA - Wilson; Natanael, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Matheus Sales, Val (Jhony Douglas), Robinho (Gustavo Bochecha) e Rafinha (Waguininho); Igor Paixão (Guilherme Azevedo) e Léo Gamalho (Wellington Carvalho). Técnico: Gustavo Morínigo.

continua após publicidade

GUARANI - Rafael Martins; Mateus Ludke, Thales (Carlão), Ronaldo Alves (Lucão do Break) e Bidu; Bruno Silva, Rodrigo Andrade (Índio) e Régis; Bruno Sávio (Renanzinho), Júnior Todinho (Andrigo) e Júlio César. Técnico: Daniel Paulista.

GOL - Guilherme Biro, aos 28 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Robinho (Coritiba); Bruno Sávio e Índio (Guarani).

ÁRBITRO - Antônio Dib Moraes de Sousa (PI).

RENDA - Não divulgada.

PÚBLICO - 1.702 presentes.

LOCAL - Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).