Esportes

Mozart crê em 2º turno mais duro ao Guarani na Série B e cobra superação em casa

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Na penúltima colocação, o Guarani precisa de uma campanha de recuperação no segundo turno da Série B do Campeonato Brasileiro para escapar do rebaixamento. Isso passa por fazer o dever de casa. Dono da quarta pior campanha como mandante - duas vitórias, cinco empates e três derrotas -, o time abre o returno neste domingo, contra o Brusque, às 11 horas, no Estádio Brinco de Ouro.

continua após publicidade

"O segundo turno historicamente acaba sendo até mais difícil que o primeiro. Nós precisamos fazer um segundo turno de recuperação e em casa não podemos falhar de jeito nenhum, começando no domingo", alertou Mozart.

Perguntado se mais reforços podem chegar, o treinador despistou. Desde a reabertura da janela, na última segunda-feira, o Guarani inscreveu o lateral-esquerdo Jamerson e o meia Isaque. Ambos já estrearam no empate sem gols com a Chapecoense.

continua após publicidade

"Nós temos que fazer ajustes pontuais. Não se troca dez jogadores de uma vez. Desde que cheguei estou tentando colocar minha ideia com os jogadores que nós temos. Precisamos de jogadores que cheguem para contribuir. Trocar por trocar não faz sentido", afirmou o treinador.

Com 18 pontos, o Guarani precisa ganhar e torcer por alguns resultados para deixar a zona de rebaixamento neste final de semana.