Esportes

Mesmo com vantagem, técnico do PSG cobra nova vitória sobre o Barcelona

Da Redação ·

O Paris Saint-Germain entrará em campo nesta quarta-feira com uma bela vantagem sobre o Barcelona, após ter vencido o jogo de ida por 4 a 1, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. Mas o técnico Mauricio Pochettino não quer nem pensar na possibilidade de perder a partida da volta. Nesta terça, ele cobrou dos seus jogadores uma atuação tão boa ou mesmo melhor do que no primeiro jogo do confronto.

continua após publicidade

"Teremos que ter um rendimento tão bom ou melhor do que tivemos no jogo de ida para poder avançar. É uma partida que começa em 0 a 0 e que queremos ganhar. Para avançar, acredito que esta é a mentalidade que precisamos ter", disse o treinador argentino. "Vamos ter a mesma vontade que tivemos na partida anterior, ou até mais, para nos sentirmos preparados para enfrentar este jogo", concordou o goleiro Keylor Navas.

Para Pochettino, apesar do momento não muito favorável do Barça, o rival sempre pode surpreender. "Sabemos que é um grande time e que vem mostrando maior solidez nos últimos jogos", disse o treinador do PSG, antes de ser questionado sobre a grande virada que o time francês levou do Barcelona em 2017. Na ocasião, também pelas oitavas, o PSG venceu por 4 as 0 na ida, mas levou 6 a 1 na volta e foi eliminado de forma surpreendente.

continua após publicidade

"Não tenho nenhum condicionamento e nem nenhuma emoção passada. É uma partida que sabemos que teremos que ganhar se queremos estar nas quartas de final. E essa vai ser a nossa abordagem sobre o jogo", projetou Pochettino.

O treinador não deixou de lamentar pela baixa de Neymar, que não se recuperou 100% para o jogo desta quarta - ele também foi desfalque na ida. "Ele não conseguiu ficar em condições para poder competir, embora tenha feito um grande esforço para ficar em forma. É uma pena porque eu estava fazendo muita torcida (para sua recuperação)", disse o treinador.