Esportes

Liverpool vence e adia definição do título do Inglês para o fim de semana

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A definição do título do Campeonato Inglês ficou para a última rodada. Nesta terça-feira, o Liverpool evitou a conquista antecipada do líder Manchester City ao vencer o Southampton, de virada, por 2 a 1, no St. Mary's Stadium. O jogo, válido pela penúltima rodada, não foi disputado no fim de semana porque o Liverpool disputou a final da Copa da Inglaterra - e foi campeão sobre o Chelsea.

continua após publicidade

O resultado desta terça manteve apertado o duelo entre líder e vice-líder da tabela. O City soma 90 pontos, contra 89 do Liverpool. Os dois times vão chegar com chances de título para a rodada final da competição, no domingo. O time de Pep Guardiola pode ser campeão mesmo se perder ou empatar, caso o segundo colocado da tabela sofra derrota no último jogo.

Ao Liverpool, somente uma vitória interessa na partida final. Se empatar e o City perder, os dois times ficarão empatados em pontos, mas a equipe de Guardiola leva vantagem no saldo de gols. Na rodada final, o Liverpool vai receber o Wolverhampton no Anfield, enquanto o Manchester City enfrentará o Aston Villa, do brasileiro Philippe Coutinho, em casa.

continua após publicidade

Campeão da Copa da Liga Inglesa e da Copa da Inglaterra, o Liverpool sonha com um feito inédito na Inglaterra: vencer quatro competições numa mesma temporada. Se está atrás do City na disputa pelo Campeonato Inglês, vai disputar ainda a final da Liga dos Campeões, contra o Real Madrid, no dia 28.

Por conta desta grande decisão no fim do mês, o técnico Jürgen Klopp mandou a campo nesta terça um Liverpool quase todo reserva. Dos titulares, apenas o goleiro Alisson e o zagueiro Konaté começaram entre os 11. No segundo tempo, o capitão Henderson entrou em campo para substituir o lesionado Joe Gomez. Do outro lado, o Southampton tinha o zagueiro brasileiro Lyanco, naturalizado sérvio.

Mesmo com a formação alternativa, o Liverpool manteve a vocação ofensiva contra um rival sem ambições nesta reta final do Inglês - o Southampton entrou em campo sem chances de rebaixamento ou classificação para os torneios europeus da próxima temporada. Mas os visitantes erravam demais e exibiam natural falta de entrosamento, principalmente no meio-campo.

continua após publicidade

Diante destas fragilidades do favorito, o Southampton abriu o placar aos 12 minutos em lance polêmico. Lyanco roubou a bola na defesa numa jogada mais ríspida, em que o time do Liverpool pediu falta, e acionou Redmond em rápido contra-ataque. Ele investiu pela esquerda e bateu colocado, da entrada da área: 1 a 0.

Em desvantagem e perdendo o campeonato, o Liverpool foi para cima. Aos 17, Firmino chegou a balançar as redes, mas o árbitro anotou o correto impedimento. Na sequência, o brasileiro criou outro lance perigoso no ataque e o Southampton quase marcou contra. O empate acabou vindo aos 26, quando Minamino encheu o pé quase dentro da pequena área e acalmou a torcida visitante.

No segundo tempo, já com Henderson em campo, o time visitante passou a arriscar mais nos primeiros minutos. As chances surgiam com frequência até que veio o gol da virada. Aos 21, após cobrança de escanteio na área, o zagueiro Matip se abaixou para cabecear, numa "dividida aérea" com Walker-Peters, e levou a melhor. A bola encobriu o goleiro Alex McCarthy.

Com a virada, Klopp reforçou a equipe com Keita e Origi e assegurou a vantagem simples no placar até o apito final.