Esportes

Leonardo de Deus faz melhor tempo da carreira e vai às semis nos 200m borboleta

Da Redação ·

Uma conquista pessoal brasileira marcou a prova dos 200 metros borboleta, nesta segunda-feira, na Olimpíada de Tóquio-2020. O nadador Leonardo de Deus chegou ao melhor tempo da sua carreira, com 1min53s58, conquistando o terceiro lugar na classificação geral e seguindo para as semifinais, que acontecerão na noite desta segunda (de Brasília), manhã de terça no Japão.

continua após publicidade

"Segundo passo foi feito, classificamos. Prova foi muito forte. Estava vendo que tinha que fazer força. Nadei com o melhor tempo da minha vida, mas agora é descansar. Nada de comemorar", disse o nadador brasileiro de 30 anos em entrevista à TV Globo, logo após a disputa.

Na primeira colocação da prova, húngaro Kristof Milak, que é o atual recordista mundial da prova dos 200 metros borboleta, fez o melhor tempo das eliminatórias com 1min53s58.

continua após publicidade

Nos 1.500 metros livre feminino, prova que faz a sua estreia em Olimpíadas, a brasileira Viviane Jungblut foi a quarta colocada na sua série das eliminatórias, com 16min21s29. Beatriz Dizotti marcou 16min29s37 e ficou em segundo lugar na sua bateria. No entanto, elas não passaram para a final.

A favorita é Katie Ledecky, dos Estados Unidos, que fez 15min35s35 e liderou as eliminatórias. Ela foi superada pela primeira vez em provas individuais de Olimpíadas no domingo.

Ledecky venceu também a sua bateria dos 200 metros livre feminino e passou para as semifinais em primeiro lugar, com o tempo de 1min55s28. A australiana Ariarne Titmus, que bateu Ledecky nos 400 metros livre, passou em quarto lugar, com 1min55s88.