Esportes

Leila rebate críticas e diz que Verón foi negociado 'pelo valor dele hoje'

Marcio Dolzan (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Negociado com o Porto na semana passada por R$ 57 milhões, o atacante Gabriel Verón teve seus direitos transferidos ao clube português "pelo valor dele hoje", e não pelo potencial do jogador, disse nesta terça-feira a presidente do Palmeiras, Leila Pereira. A dirigente afirmou ainda que o negócio foi a melhor escolha tanto para o clube quanto para o atleta.

continua após publicidade

Os valores envolvidos na transferência foram considerados baixos por uma parte da torcida do Palmeiras, uma vez que Gabriel Verón tem apenas 19 anos e, há menos de três, foi eleito o melhor jogador do Mundial Sub-17 com a seleção brasileira. Leila, porém, discorda da avaliação e considera o investimento feito pelo Porto justo.

"Se ele pudesse ser vendido por mais, pode ter certeza absoluta que ele teria sido vendido. Eu jamais prejudicaria um ativo do Palmeiras. O Verón foi vendido pelo valor dele hoje, porque o futebol é hoje. O que foi há dois anos e meio atrás... Meu caro, eu já tive 20 anos, eu não tenho mais. O que interessa é hoje, eu ganho campeonato hoje, eu vendo hoje. Se no passado ele valia mais, ele não estava à venda. Hoje, o valor dele é esse. Daqui a um ano, dois anos, pode ser outro. Mas a gente tem que avaliar o mercado atual", disse a dirigente, após participar de uma reunião de clubes na sede da CBF, no Rio.

continua após publicidade

"Há dois anos e meio nós fomos campeões mundiais e ele foi eleito o melhor jogador, e aí valoriza, óbvio. Hoje, em virtude de lesões, de não ter participado de muitos jogos, de ter uma vida extracampo meio difícil, complicada, o melhor para o atleta e para o Palmeiras foi negociá-lo, eu não tenho dúvida. Eu torço para que ele faça muito sucesso na Europa", pontuou Leila.

Mesmo sem citar nomes ou posição, a presidente do Palmeiras afirmou ainda que o clube pode trazer algum reforço na atual janela de transferências. "O Palmeiras está sempre aberto a oportunidades, e estamos em busca de reforços para nosso time ficar cada vez mais forte."