MAIS LIDAS
VER TODOS

Esportes

Jogador da Juventus é suspenso por sete meses em caso de apostas; outros 9 são investigados

Jogador da Juventus é suspenso por sete meses em caso de apostas; outros 9 são investigadosCortados dos jogos da Itália nesta Data Fifa, Sandro Tonali, ex-Milan e atualmente no Newcastle, e Zaniolo, ex-Roma e agora no Aston Villa, além de Nicolò Fagioli,

(via Agência Estado)

·
Escrito por (via Agência Estado)
Publicado em 17.10.2023, 12:48:00 Editado em 17.10.2023, 12:55:15
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

Jogador da Juventus é suspenso por sete meses em caso de apostas; outros 9 são investigados

continua após publicidade

Cortados dos jogos da Itália nesta Data Fifa, Sandro Tonali, ex-Milan e atualmente no Newcastle, e Zaniolo, ex-Roma e agora no Aston Villa, além de Nicolò Fagioli, da Juventus, podem não ser os únicos investigados em negócio de apostas ilegais e fraudes desportivas no futebol italiano. A Procuradoria de Turim estaria de olho em 10 jogadores e mais 30 pessoas envolvidas com o futebol no país e já teria dado sua primeira sentença: sete meses de punição ao meio-campista da equipe de Turim.

De acordo com a Sky Sports, a pena de Fagioli definida nesta terça-feira foi reduzida pela metade após a delação premiada. O meia da Juventus foi enquadrado no artigo 24 do Código de Justiça Desportiva da Itália, onde era previsto uma suspensão de até três anos. Mas ele terá de cumprir somente os sete meses por não ter apostado em jogos da sua equipe e por ter colaborado com a justiça. Apesar de ter forçado um cartão amarelo em jogo no qual a Juventus vencia por 5 a 1, ele não teria "apostado" nesta partida.

continua após publicidade

O canal ainda informou que as investigações miram outros sete jogadores, totalizando dez suspeitos de terem lucrado com esquemas de apostas. Entre pessoas relacionadas com o futebol, seriam até 30 envolvidos na mira da procuradoria.

Zaniolo garantiu, via advogados, que nunca apostou no futebol. Seu vício seria em jogos de cartas e eletrônicos que também são investigados e proibidos na Itália. Já Tonali, ex-Milan e atualmente no Newcastle, deve seguir os passos de Fagioli - que o entregou, acusando-o de ter indicado os sites de apostas - e tentar reduzir uma possível punição com delação premiada. O meio-campista é representado pelo advogado Marco Feno, que já se reuniu com a procuradora do caso, Manuela Pedrotta.

Em evento na Embaixada da Itália, em Londres, para o jogo entre as seleções pelas Eliminatória da Eurocopa, o agente de Tonali, Giuseppe Riso, admitiu que o jogador é viciado em jogos de azar.

"Sandro sofre de vício em jogo. Ele está lutando para evitar isso e tenho certeza que vencerá esse jogo difícil", afirmou o agente. "Ele está triste, ainda em estado de choque. Mas gostaria de agradecer ao Newcastle porque eles estão apoiando o Sandro. Ele está treinando e pode até jogar no sábado", completou.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Esportes

    Deixe seu comentário sobre: "Jogador da Juventus é suspenso por sete meses em caso de apostas; outros 9 são investigados"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!