MAIS LIDAS
VER TODOS

Esportes

Guardiola descarta crise no City após três empates no Inglês: "Querem que façamos 120 pontos?'

Pep Guardiola não gostou muito das cobranças em cima do Manchester City após a equipe empatar com Chelsea, Liverpool e Tottenham em sequência no Campeonato Inglês, jogos nos quais saiu vencendo ou tinha o placar favorável no final e revela que "está satis

(via Agência Estado)

·
Escrito por (via Agência Estado)
Publicado em 05.12.2023, 22:30:00 Editado em 05.12.2023, 22:34:13
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

Pep Guardiola não gostou muito das cobranças em cima do Manchester City após a equipe empatar com Chelsea, Liverpool e Tottenham em sequência no Campeonato Inglês, jogos nos quais saiu vencendo ou tinha o placar favorável no final e revela que "está satisfeito" com sua equipe.

continua após publicidade

Na véspera de encarar o Aston Villa, o treinador espanhol não vê motivos para desconfiança em sua equipe, atual tricampeão inglesa e que ergueu cinco dos últimos seis títulos - o Liverpool ganhou a edição 2019/20.

"Não tenho esse sentimento (de que o City está sendo complacente), mas talvez esteja errado. Se você perder pontos, as pessoas dirão 'Chelsea, Liverpool e Tottenham, que desastre', mas o que as pessoas esperam, que tenhamos 120 pontos?", indagou.

continua após publicidade

"Mas vi como pressionamos o Tottenham, o Liverpool no primeiro tempo e o Chelsea nos momentos ruins e não tenho aquela sensação de que não estamos jogando bem e que somos ingênuos e não respeitamos o adversário. De jeito nenhum, não tenho esse sentimento", afirmou.

O City fez 1 a 0 sobre Chelsea (acabou 4 a 4) e Liverpool (2 a 2). Já contra o Tottenham, em jogo no qual a arbitragem acabou sendo o centro das atenções, o time de Guardiola levou o 3 a 3 aos 45 do segundo tempo. Mas poderia ter anotado o quarto após Haaland ser derrubado por Emerson Royal, se levantar e deixar Grealish na cara do gol. O árbitro Simon Hooper estava dando vantagem, mas mudou de ideia e parou o jogo para dar a falta, o que irritou muito o atacante norueguês.

"Vamos tentar chegar em março e abril estando presente em todas as competições. Essa é a meta, mas estou muito satisfeito com a equipe, muito satisfeito", enfatizou, ciente que sua equipe terá dificuldades. "Tenho quase certeza de que não vamos vencer 10 Premier Leagues consecutivas. Estou otimista, mas não sou idiota. Isso não vai acontecer e mais cedo ou mais tarde não vamos vencer. Mas o que fizemos até agora é a exceção neste país."

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Esportes

    Deixe seu comentário sobre: "Guardiola descarta crise no City após três empates no Inglês: "Querem que façamos 120 pontos?'"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!