Esportes

Guarani goleia Operário fora e assume a liderança provisória da Série B

Da Redação ·

Em uma partida movimentada e intensa, com duas expulsões e sete gols, o Guarani aproveitou as falhas da defesa do Operário para conseguir a primeira vitória no Campeonato Brasileiro da Série B na noite desta terça-feira ao ganhar por 5 a 2, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, na abertura da segunda rodada.

continua após publicidade

A primeira vitória coloca o Guarani na liderança isolada, mas provisória, da Série B, com quatro pontos. Já o Operário, que ganhou do Vasco por 2 a 0 no Rio de Janeiro, estacionou nos três e caiu para o sexto lugar.

Os dois times fizeram um ótimo primeiro tempo. Até de forma surpreendente, o time paulista chegou a fazer 2 a 0. Aos oito, em saída errada da defesa paranaense, Davó desceu em velocidade e rolou para Bruno Sávio abrir o placar. Depois, aos 26, Bruno Silva acertou o ângulo de Simão em chute de fora da área.

continua após publicidade

Três minutos depois, o Operário diminuiu com Jean Carlo completando cruzamento rasteiro. Mas o Guarani fez o terceiro no minuto seguinte com Régis aproveitando falha de Simão. Ainda antes do intervalo, o time paranaense assustou com Leandrinho e Ricardo Bueno, enquanto os paulistas tiveram um gol mal anulado.

Logo aos quatro minutos do segundo tempo, Rodolfo Filemon voltou a falhar e Davó encaminhou a vitória do Guarani ao fazer o quarto gol. Na sequência, aos 12, Ricardo Bueno aproveitou rebote de Rafael Martins para diminuir. O gol animou o Operário, que continuou no ataque.

Sem conseguir marcar o terceiro, o time paranaense diminuiu o ritmo e só voltou a pressionar nos minutos finais. Foi então que o clima esquentou entre jogadores dos dois times. Após uma dividida pelo alto, o goleiro Rafael Martins e o lateral Alex Silva foram expulsos.

continua após publicidade

Aos 48 minutos, o estreante Lucão do Break dominou na entrada da área e acertou o ângulo de Simão, fazendo o quinto gol do Guarani. Na comemoração teve a dança ao ritmo do break pelo primeiro gol marcado com a camisa do time paulista.

Os times agora vão ter um período livre até a terceira rodada. O Operário só volta a campo no próximo dia 13, contra o Vitória, às 20h30, no Barradão, em Salvador. Dois dias antes, o Guarani recebe o Náutico, às 21h30, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

FICHA TÉCNICA

continua após publicidade

OPERÁRIO 2 X 5 GUARANI

OPERÁRIO - Simão; Alex Silva, Reniê, Rodolfo Filemon e Silva; Leandro Vilela (Fábio Alemão), Rafael Chorão (Marcelo) e Leandrinho (Schumacher); Jean Carlo (Rafael Oller), Ricardo Bueno e Rodrigo Pimpão (Thomaz). Técnico: Matheus Costa.

continua após publicidade

GUARANI - Rafael Martins; Pablo, Thales (Índio), Carlão e Bidu; Bruno Silva, Rodrigo Andrade e Régis (Tony); Bruno Sávio (Gabriel Mesquita), Davó (Lucão do Break) e Júlio César (Matheus Souza). Técnico: Daniel Paulista.

GOLS - Bruno Sávio, aos oito, Bruno Silva, aos 26, Jean Carlo, aos 29, e Régis, aos 30 minutos do primeiro tempo; Davó, aos quatro, Ricardo Bueno, aos 12, e Lucão do Break, aos 48 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Rodrigo Batista Raposo (DF)

CARTÕES AMARELOS - Régis, Bidu, Thales e Lucão do Break (Guarani)

CARTÕES VERMELHOS - Alex Silva (Operário); Rafael Martins (Guarani)

LOCAL - Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).