Esportes

Ferrari domina primeira fila no segundo treino livre para GP da Áustria

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

O treino livre desta manhã, que precede a corrida sprint, apresentou Carlos Sainz com o melhor tempo tendo a companhia do piloto monegasco Charles Leclerc na primeira fila. A aposta da Ferrari para sair na frente na sprint race foi a utilização dos pneus macios.

continua após publicidade

O espanhol Carlos Sainz foi o mais rápido com 1min08s610, com 050s de vantagem para Leclerc, que obteve o segundo melhor tempo. No que promete ser a briga entre os construtores, a Red Bull aparece em terceiro lugar com o holandês Max Verstappen. A sprint race, que terá 24 voltas, define o o grid de largada para o GP da Áustria e tem início previsto para 11h30.

No treino livre, as atenções ficaram voltadas também para a equipe Mercedes, que no treino de sexta, teve problemas com os acidentes de George Russel e Lewis Hamilton. O britânico só entrou na pista faltando 12 minutos para o fim do treino.

continua após publicidade

O carro de Russel também precisou passar por ajustes e ficou pronto só na metade da sessão. Ao final dos trabalhos, Hamilton ficou com o nono melhor tempo.

No início do treino livre deste sábado, Lando Norris, que teve um dia ruim na sexta com problemas na sua McLaren, marcou 1min11s410. Porém, quando mais pilotos entraram na pista, a briga se acirrou. Foi o que o mostrou o ferrarista Charles Leclerc com 1min09s620. Ele superou ainda a volta anterior, estabelecida pelo companheiro de equipe Carlos Sainz.

A entrada de Max Verstappen, porém, tornou o treino ainda mais competitivo. O holandês chegou a apostar em pneus macios e ficou temporariamente com o melhor tempo ao fazer 1min09s067. A marca foi 04s mais veloz que a volta do espanhol Carlos Sainz.

A disputa pela pole passou a ser uma briga entre a Red Bull e a Ferrari. Verstappen baixou ainda mais seu tempo ao utilizar pneus médios. A resposta veio primeiro com Leclerc, com 1min08s660. Sainz também trabalhou forte, superou o piloto monegasco ao fazer 1min08s610 e assumiu a liderança. A dupla ferrarista marcou os tempos com pneus macios e, ao final do treino livre garantiu a primeira fila para a sprint race.