MAIS LIDAS
VER TODOS

Esportes

Ex-chefão da F-1 critica ação de Massa na Justiça: 'Só se preocupa com dinheiro'

Chefão da Fórmula 1 por quase 40 anos, Bernie Ecclestone criticou Felipe Massa por sua busca pelo reconhecimento do título do Mundial de 2008. O ex-dirigente inglês, que completará 93 anos no próximo mês, afirmou que o piloto brasileiro "só se preocupa co

(via Agência Estado)

·
Escrito por (via Agência Estado)
Publicado em 13.09.2023, 15:00:00 Editado em 13.09.2023, 15:07:41
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

Chefão da Fórmula 1 por quase 40 anos, Bernie Ecclestone criticou Felipe Massa por sua busca pelo reconhecimento do título do Mundial de 2008. O ex-dirigente inglês, que completará 93 anos no próximo mês, afirmou que o piloto brasileiro "só se preocupa com dinheiro". "O clã de Massa só se preocupa com dinheiro. Mas as chances de obter sucesso neste caso são zero", disse o dirigente, que é um dos pivôs dos novos desdobramentos do chamado "Cingapuragate". Na mesma entrevista ao jornal suíço Blick, Ecclestone disse que Lewis Hamilton deveria acionar a Justiça pelo título da temporada 2021. Procurado pelo

continua após publicidade
Estadão

, Massa não se pronunciou sobre as declarações do inglês. Sua assessoria informou que o piloto ainda avalia se vai comentar a entrevista de Ecclestone. O famoso "Cingapuragate" marcou uma das etapas mais polêmicas da história da F-1. No GP de Cingapura de 2008, o brasileiro Nelsinho Piquet bateu de propósito no meio da prova, sob ordem de Briatore, para beneficiar diretamente o espanhol Fernando Alonso, seu companheiro de equipe na Renault. Como efeito prático, o incidente permitiu Alonso conquistar a vitória daquela prova. E prejudicou Massa, que era o líder da corrida até o momento da batida. O brasileiro terminou em 13º, sem somar pontos. E viu o inglês Lewis Hamilton, seu rival direto na briga pelo título daquele ano, abrir vantagem no campeonato. O caso foi denunciado em 2009 e causou a punição dos principais dirigentes da Renault, poupando a dupla de pilotos. Mas não afetou o resultado da corrida disputada no ano anterior porque, pelas regras da FIA, um campeonato não pode ser alterado após ser finalizado. E a denúncia, a investigação e as punições só ocorreram um ano depois do episódio. ECCLESTONE RESSUSCITA CASO O caso voltou à tona neste ano porque Ecclestone revelou em março deste ano que ficou sabendo da conspiração da Renault ainda em 2008, pouco depois da batida de Nelsinho. Disse ainda que o então presidente da FIA, Max Mosley, também estava ciente do caso. Assim, eles poderiam ter cancelado aquela corrida antes do fim do campeonato, o que teria mudado o resultado final da temporada, com Massa em primeiro lugar. As declarações de Ecclestone geraram como consequência imediata a possibilidade de Massa buscar uma reparação na Justiça. Após meses de silêncio, o brasileiro revelou nas últimas semanas que contratou um grupo de advogados para tentar buscar o reconhecimento do título de 2008 e também uma possível indenização. Segundo apurou o

Estadão

, o valor poderia alcançar até US$ 150 milhões, equivalente a R$ 470 milhões. HAMILTON E O TÍTULO DE 2021 Ecclestone também comentou nesta semana sobre o polêmico fim da temporada 2021. "Hamilton e a Mercedes poderiam acionar a Justiça contra a FIA depois daquele fim de temporada pouco limpo em Abu Dabi", declarou o inglês. Ele se refere à última etapa do campeonato de 2021, quando Hamilton disputava o título com Max Verstappen. Após uma batida, a entrada do safety car pulverizou a vantagem construída pelo piloto inglês, que ainda viu a direção de prova tomar decisões controversas nas voltas finais, o que resultou em Verstappen na cola de Hamilton, e com pneus em melhores condições, na última volta da corrida. O holandês aproveitou a circunstância favorável, ultrapassou Hamilton nas curvas finais do traçado e faturou seu primeiro título mundial.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Esportes

    Deixe seu comentário sobre: "Ex-chefão da F-1 critica ação de Massa na Justiça: 'Só se preocupa com dinheiro'"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!