Esportes

Equipe brasileira masculina fica em segundo lugar no Pan-Americano de Ginástica

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A equipe brasileira masculina, formada por Arthur Zanetti, Arthur Nory, Caio Souza, Diogo Soares e Lucas Bitencourt, ficou em segundo lugar no Pan-Americano de Ginástica Artística, disputado neste domingo, no Rio.

continua após publicidade

Os brasileiros somaram 244,234 e acabaram superados apenas pelos norte-americanos, que conseguiram 245,698. O pódio foi completado pelos canadenses (240,034).

O Brasil começou no solo. Diogo sofreu uma queda, mas obteve 12,433 pontos. Caio pisou fora da área do tablado por duas vezes, mas ficou com 13,400. Zanetti completou 13,433. Com 39,266 pontos, o Brasil ficou em segundo.

continua após publicidade

No cavalo com alças, Diogo obteve 12,167, enquanto Nory marcou 12,633) e Caio outros 13,367. Com 38,167 pontos, o Brasil foi ultrapassado pelo Canadá.

A atuação nas argolas foi muito boa. Lucas (13,133), Caio (13,767) e Zanetti (14,533 pontos) acumularam 41,433 pontos, mas o Brasil permaneceu em terceiro.

No salto, Diogo teve 14,100 e Lucas somou 14,067. Finalista olímpico do aparelho, Caio recebeu 14,567). O Brasil foi para as paralelas em ainda terceiro. Diogo (13,500), Caio (14,367) e Lucas (14,067) somaram 41,934 e recolocaram o Brasil em segundo.

Diogo (13,600), Caio (14,267) e Arthur Nory (12,833 pontos) acrescentaram mais 40,700 pontos e o Brasil foi o melhor da barra fixa garantindo a prata.