Em alta, jovens do Palmeiras valem mais de R$ 300 mi; multas superam R$ 1 bilhão - TNOnline
Mais lidas

    Esportes

    Esportes

    Em alta, jovens do Palmeiras valem mais de R$ 300 mi; multas superam R$ 1 bilhão

    Escrito por Da Redação
    Publicado em 07.12.2020, 08:20:00 Editado em 07.12.2020, 08:28:07
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Conhecido nos últimos anos por ter sido um dos clubes que mais gastaram em contratações no futebol brasileiro, o Palmeiras mudou a sua política nesta temporada. Com menos dinheiro no caixa, decidiu apostar nas categorias de base. A estratégia vem dando resultados e boa parte dos jovens que subiram ao time principal como Gabriel Menino, Patrick de Paula, Danilo, Wesley e Gabriel Veron tem se destacado e encantado o técnico português Abel Ferreira. Com isso, os garotos se valorizaram e, além de resultados positivos em campo, o clube pode lucrar com vendas milionárias futuramente.

    Segundo levantamento feito pelo Estadão com base nos dados do site Transfermarkt, especializado em negócios do futebol, juntas, as principais revelações do Palmeiras que já estão no profissional têm valor de mercado estimado em R$ 300 milhões, levando em conta a cotação atual da moeda brasileira em relação ao euro.

    O levantamento mapeou quanto valem Gabriel Veron, Gabriel Menino, Patrick de Paula, Danilo, Wesley, Iván Angulo, Gabriel Silva e Lucas Esteves. Renan, que também faz parte do elenco profissional, não entrou nas estatísticas porque a plataforma não apresenta os seus dados financeiros.

    O grande destaque da safra de promessas palmeirenses é Gabriel Veron. Campeão e melhor jogador do Mundial Sub-17 com a seleção brasileira em 2019, o atacante não é somente o mais caro do time alviverde, como também do futebol nacional. Seu valor de mercado atualmente é de 25 milhões de euros (R$ 156 milhões). A multa rescisória, estipulada no novo contrato, assinado em setembro, assim que ele completou 18 anos, é de 60 milhões de euros (R$ 375 milhões).

    Veron já é monitorado de perto por grandes clubes europeus, que enxergam o jogador com grande potencial. Mas, mesmo que admita a necessidade de negociar atletas para reequilibrar o orçamento, a intenção do Palmeiras é segurar o garoto pelo maior tempo possível, de modo que ele possa ser ainda mais valorizado e render um dinheiro considerável aos cofres do clube, que tem como a venda mais cara de sua história a transferência de Gabriel Jesus ao Manchester City, em 2016. O time inglês desembolsou 32 milhões de euros (R$ 115 milhões na época).

    O Palmeiras também quer se valer do seu talento para ganhar campeonatos. Abel Ferreira rasgou elogios para Veron após a goleada por 5 a 0 sobre o Delfín, em que o "Raio", como é chamado pelos colegas, anotou dois gols e deu uma assistência e o comparou a Neymar. "Vou contar uma história. O Luis Campos é diretor do Lille (da França) e foi meu técnico quando tinha a idade do Veron. Eu fui falar com ele sobre vir para o Palmeiras. O primeiro jogador de quem ele falou foi sobre o Veron. Ele conhece todos os jovens com potencial. Sabe que tem muita qualidade. Sempre digo ao Veron para se lembrar o que o trouxe a este nível. É impossível o Palmeiras vender este jogador por menos do que o Neymar foi vendido ao Barcelona", disse.

    O português foi contratado pela sua capacidade de trabalhar com garotos e por seus conceitos modernos de jogo. "Gosto de criar espaços para ter jovens conosco. Futebol é oportunidade. Jovens precisam ter essa oportunidade. Há um departamento de futebol organizado, com 'scouting' organizado, é normal que os jovens queiram vir pelo fato de o Palmeiras usar muito deles. Os mais novos querem crescer junto, com respeito, amizade e competitividade", ressaltou.

    MEIO DE CAMPO TALENTOSO - Patrick de Paula, Gabriel Menino e Danilo são os outros garotos que têm chamado a atenção pelo talento e personalidade. Os dois primeiros já despertam interesse de times da Europa e não devem permanecer por muito tempo no futebol brasileiro.

    Com valor de mercado de 10 milhões de euros (R$ 62 milhões), Gabriel Menino é o segundo mais valioso do elenco palmeirense e o sétimo mais caro do futebol nacional. O preço de sua multa é o mesmo de Veron: 60 milhões de euros (R$ 372 milhões). Convocado duas vezes por Tite para a seleção brasileira, o meio-campista, de 20 anos, que também atua na lateral-direita, teria recebido sondagens de Dínamo de Kiev, da Ucrânia, e do City Group, que administra o Manchester City. Com Abel, ele tem reforçado sua capacidade de jogar em mais de um lugar e já foi utilizado como ponta-direita.

    Já Patrick de Paula, de 21 anos, vale 9 milhões de euros (R$ 56 milhões). Olympique de Marselha, Atlético de Madrid e Benfica teriam mostrado interesse no futebol do volante, que tem a multa rescisória mais alta do Palmeiras. A fim de tentar proteger o jogador, de 21 anos, do assédio de gigantes europeus, o clube paulista estipulou multa de 100 milhões de euros (R$ 625 milhões). Ele vinha em baixa com Luxemburgo, mas resgatou o bom futebol com a chegada do português e, com mais liberdade para chegar ao ataque, balançou as redes nas últimas duas vezes em que esteve em campo, contra Athletico-PR e Delfín. No entanto, sofreu lesão muscular na coxa direita e só deve voltar a jogar em 2021.

    Wesley é outra joia cria da base palmeirense que vinha em alta, mas se lesionou. Antes de ter seu menisco operado, o atacante, que só voltará aos gramados na próxima temporada, vinha chamando mais a atenção até que de Veron. Rápido e habilidoso, ele tem um valor de mercado considerado baixo: 2,3 milhões de euros (R$ 14 milhões). O preço, no entanto, deve aumentar, já que o garoto, de 21 anos, tem potencial para evoluir ainda mais. Ele é outro atleta monitorado pelo grupo dono do Manchester City.

    Último jovem a se tornar titular, Danilo tomou conta do meio de campo palmeirense após a lesão de Felipe Melo e chama atenção pelo poder de marcação e qualidade no passe. Canhoto, ele também chega à área para finalizar e marcou seu primeiro gol no time principal diante do Delfín. O jovem volante foi comprado do Cajazeiras, da Bahia, e em setembro assinou contrato até agosto de 2025. Seu valor de mercado ainda é baixo, 900 milhões de euros (R$ 5,6 milhões), mas essas cifras vão aumentar certamente em breve.

    Os outros garotos no elenco que podem render uma quantia considerável para o Palmeiras no futuro são Gabriel Silva, Lucas Esteves e Renan, zagueiro que deu conta do recado enquanto os titulares Gustavo Gómez e Luan estiveram ausentes. Alanzinho, que se recupera de uma grave lesão na perna e estava emprestado ao Guarani, e o colombiano Iván Angulo, hoje no Botafogo, também são cria da base. Juntos, eles são avaliados em 1,9 milhão de euros (R$ 12 milhões).

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Esportes

    Deixe seu comentário sobre: "Em alta, jovens do Palmeiras valem mais de R$ 300 mi; multas superam R$ 1 bilhão"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.