Esportes

Djokovic sofre, mas vira e avança às quartas em Belgrado; Thiago Monteiro avança

Da Redação ·

Novak Djokovic está longe das grandes apresentações no tênis. Mesmo se mantendo no topo do ranking mundial, o número 1 vem sofrendo em quadra. Depois de queda precoce em Montecarlo, sofreu nesta quarta-feira para ganhar, de virada, pela segunda rodada do ATP 250 da Sérvia. Foram 3h24 de batalha com o compatriota Laslo Djere e triunfo por 2/6, 7/6 (8/6) e 7/6 (7/4) após salvar três match points.

continua após publicidade

Em encontro de sérvios, foi Laslo Djere quem mandou na primeira parcial. Foi logo quebrando o serviço do número 1 do mundo e abriu 2 a 0. Repetiu a dose no sétimo game para chegar a tranquilos 5 a 2. Não desperdiçou o serviço para fechar em 6/2.

O segundo set começou mais equilibrado, mas Djere voltou a assustar quando quebrou o serviço de Djokovic para abrir 4 a 3. A devolução veio de imediato e o jogo seguiu bastante disputado. Com 6 a 5 contra, Djokovic precisou salvar três match points antes de levar a decisão para o tie-break. No set de desempate, o líder do ranking fechou em sua terceira oportunidade, com 8 a 6, levando a disputa para o terceiro set.

continua após publicidade

Controlar o nervosismo era a tônica na parcial. Ambos começaram com quebras de serviço. Com a cabeça no lugar e trocas de pontos, mais uma vez o tie-break definiria a parcial. E também a vaga nas quartas de final diante do também sérvio Miomir Kecmanovic. E valeu a experiência. Com 3 a 4, Djokovic quebrou os dois saques de Djere e depois bastou sacar bem para se garantir.

BRASIL NAS QUARTAS

Thiago Monteiro também vem se dando bem no ATP sérvio. Depois de equilíbrio até 4 a 4 com o croata Filip Krajinovic, quebrou e sacou para fazer 6/4 no terceiro set point. O equilíbrio da primeira etapa deu lugar para uma apresentação segura.

Sem dar chances para Krajinovic, Thiago Monteiro precisou de somente 32 minutos para fechar o set e a partida. Arrasador, quebrou três vezes e garantiu a vitória com 6/1.