Esportes

Dinamarca vence na Liga das Nações e encerra série invicta de 20 jogos da França

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Com disciplina tática e dois golaços do atacante Cornelius, a Dinamarca derrotou a França, por 2 a 1, de virada, nesta sexta-feira, em Paris, na rodada de estreia do Grupo 1 da Liga das Nações da Uefa. Benzema fez o gol francês.

continua após publicidade

Atual campeã mundial e da Liga das Nações, a França se apresentou desequilibrada: entrosada no ataque, mas muito mal na marcação em seu sistema defensivo. O time sentiu muito a saída de Mbappé (dores no joelho esquerdo) e Varane. O selecionado francês não perdia havia 20 jogos (14 vitórias e seis empates) desde novembro de 2020.

Depois de um primeiro tempo com domínio francês, mas sem objetividade no ataque, a etapa final foi emocionante. Logo aos cinco minutos, Benzema tabelou com Nkunku, invadiu a área, passou por toda a zaga dinamarquesa e bateu com categoria diante de Schmeichel para abrir o placar.

continua após publicidade

A Dinamarca não se intimidou e permaneceu atuando fechada e com saída rápida para o ataque. Aos 22 minutos, Hojbjerg fez linda assistência para Cornelius. O atacante, que havia entrado no intervalo, desviou bonito de Lloris: 1 a 1.

A França, mesmo sem muita inspiração poderia ter feito o segundo gol, com Kante, mas o chute de fora da área acertou a trave esquerda de Schmeichel.

A Dinamarca continuou perigosa e Eriksen só não fez o segundo, aos 41, porque Lloris fez grande defesa. Mas aos 43 não teve jeito. Lançado pela meia esquerda, Cornelius carregou a bola e acertou uma bomba sem defesa para o bom goleiro francês: 2 a 1.

continua após publicidade

No outro jogo do grupo, a Áustria foi até a Croácia e venceu por 3 a 0. Arnautovic, Gregoritsch e Sabizer fizeram os gols.

PODER LARANJA

Pelo Grupo 4, a Holanda mostrou força, ao golear a Bélgica, fora de casa, por 4 a 1. Depay (2), Dumfries e Bergwijn marcaram os gols da seleção visitante, enquanto Batshuayi descontou para a anfitriã.

Com este resultado, a Holanda assumiu a liderança da chave com três pontos, mas com saldo melhor que a Polônia, que bateu País de Gales por 2 a 1.