Esportes

Cruzeiro empata com Vila Nova, completa um mês sem vitória e se mantém na degola

Da Redação ·

O Cruzeiro completou, neste sábado, exato um mês sem vencer na Série B do Campeonato Brasileiro. O oitavo tropeço seguido terminou sem gols diante do Vila Nova, no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, o OBA, em Goiânia, pela 14.ª rodada. No período, o clube mineiro acumula cinco empates e três derrotas.

continua após publicidade

O resultado negativo, além de manter o técnico Mozart Santos na corda bamba, deixou o Cruzeiro na zona de rebaixamento, no 18.º e antepenúltimo lugar com apenas 12 pontos, a dois do lanterna Confiança. O Vila Nova, um pouco acima, soma 15, na 14.ª colocação.

Os times foram a campo dispostos a vencer. Aos 13 minutos, Henan aproveitou lançamento na área e cabeceou firme. O goleiro Fábio pulou e fez uma grande defesa. Aos 26, Rafael Sóbis recebeu de Thiago e bateu de primeira. A bola raspou a trave.

continua após publicidade

O Cruzeiro acertou a trave do Vila Nova aos 33 minutos. Thiago tocou para Rômulo, que chutou de primeira e acertou o poste. Aos 41, Renan Mota bateu mascado, mas a bola passou perto e assustou Fábio.

O segundo tempo foi parado, quase sem lance. O Cruzeiro apareceu só aos 33 minutos. Norberto cruzou na medida e Thiago cabeceou com perigo. E foi só. Os dois clubes não produziram mais nada e mostraram o motivo de brigar contra o descenso.

Na 15.ª rodada, o Vila Nova visitará o Guarani no próximo sábado, às 11 horas, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP). Na sexta-feira, às 21h30, o Cruzeiro receberá o Londrina no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.

continua após publicidade

FICHA TÉCNICA

VILA NOVA 0 x 0 CRUZEIRO

VILA NOVA - Georgemy; Renato Silveira (Cardoso), Rafael Donato e Xandão; Mazetti, Dudu, Arthur Rezende (Éder Monteiro), Renan Mota (Cássio Gabriel) e Willian Formiga; Alan Grafite (Alesson) e Henan (Pedro Júnior). Técnico: Higo Magalhães.

continua após publicidade

CRUZEIRO - Fábio; Ramon, Eduardo Brock e Rhodolfo; Norberto, Lucas Ventura (Flávio), Rômulo (Giovanni) e Felipe Augusto; Rafael Sobis (Guilherme Bissoli), Bruno José (Wellington Nem) e Thiago. Técnico: Mozart Santos.

CARTÕES AMARELOS - Arthur Rezende (Vila Nova); Thiago e Flávio (Cruzeiro).

ÁRBITRO - Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ).

RENDA E PÚBLICO - Jogo com portões fechados.

LOCAL - Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, o OBA, em Goiânia (GO).