Esportes

Com novos lesionados, Palmeiras fica sem lateral-direito no elenco

Da Redação ·

A má fase do Palmeiras na temporada vem acompanhada de desfalques. No empate sem gols com o Bahia, o técnico Abel Ferreira perdeu mais dois jogadores por lesão: o zagueiro Kuscevic e o lateral-direito Gabriel Menino. A perda de Menino é a que mais preocupa porque fará o time paulista entrar em campo sem um lateral-direito de ofício nas próximas partidas.

continua após publicidade

O treinador já não podia contar com Mayke e Marcos Rocha, os outros dois laterais-direitos do elenco justamente por conta de problemas físicos. Diante do Bahia, Abel improvisou o atacante Rony na posição na parte final do jogo, disputado em Salvador.

"O que eu posso dizer em relação a isso? É reforçar o espírito, o Rony não é lateral. Temos o Mayke, o Marcos Rocha e o Gabriel fora. O Rony foi sacrificado para ajudar a equipe, não é a mesma coisa, mas deu o melhor dele. É isso que pedimos aos nossos jogadores, queremos sempre que nossos jogadores sejam protagonistas, mas temos que criar condições. Parabéns ao Rony", comentou Abel.

continua após publicidade

Pouco antes, na mesma entrevista coletiva, o treinador já havia culpado a maratona de jogos pelas lesões no elenco palmeirense. Tanto Kuscevic quanto Gabriel Menino serão avaliados ainda nesta quarta-feira, após o retorno da delegação do Palmeiras a São Paulo. Ainda não há estimativa de retorno para a dupla.

Para o jogo na Arena Fonte Nova, o Palmeiras não contou também com Zé Rafael, Danilo e Breno Lopes, todos com problemas físicos, além de Weverton, Gómez e Piquerez, convocados para as suas seleções para jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo. O trio estará de volta para a próxima rodada, no domingo, contra o Internacional, no Allianz Parque.

Em momento difícil na temporada, o Palmeiras chegou à marca de sete jogos sem vitória, por diferentes competições. No Brasileirão, são cinco partidas sem somar os três pontos. A sequência ruim derrubou a equipe da vice-liderança para o quarto lugar, fora da briga pelo título. E o time ainda pode terminar a rodada fora do G-4, caso o Fortaleza vença o Grêmio, em casa, nesta quarta-feira.