Esportes

Com 2 de Cristiano Ronaldo, Juventus faz 3 a 0 no Barcelona no Camp Nou

Da Redação ·

Em um duelo entre Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, o atacante português levou a melhor sobre o argentino nesta terça-feira. Mesmo jogando no Camp Nou, Ronaldo marcou duas vezes e liderou a Juventus na vitória sobre o Barcelona por 3 a 0, pela última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões. Ambos os gols do português saíram de cobranças de pênalti.

continua após publicidade

Como os dois times já estavam classificados para as oitavas de final, o duelo valeu somente para definir o primeiro colocado do Grupo G. E a Juventus precisava exatamente de uma vitória por 3 a 0 para superar o Barcelona na liderança da chave.

Ambas as equipes terminaram a fase com 15 pontos, com o time italiano na frente somente por conta do confronto direto, o primeiro critério de desempate. No primeiro duelo entre os dois times, no começo da fase de grupos, o Barça havia vencido por 2 a 0. No outro jogo do grupo, o Dínamo de Kiev bateu o Ferencvaros por 1 a 0, chegou aos quatro pontos e garantiu o terceiro lugar, obtendo a vaga na Liga Europa.

continua após publicidade

No reencontro entre Messi e Ronaldo, que não acontecia desde maio de 2018, o português ofuscou completamente o argentino em campo. A Juventus dominou completamente o jogo, principalmente nos primeiros minutos. Messi só começou a aparecer aos 20 minutos de jogo, quando passou a fazer mais esforço para compensar as fragilidades da equipe catalã, que há vinha de vitória inesperada no Campeonato Espanhol, diante do modesto Cádiz, no fim de semana.

O jogo já estava com vantagem da Juventus, que abriu o placar aos 13. Ronaldo sofreu falta de Ronald Araújo dentro da área e o árbitro marcou o pênalti, convertido pelo português com uma finalização no meio do gol.

Apenas sete minutos depois, o time italiano voltava à carga. Muito sólida em campo, a Juventus envolvia a defesa catalã. Em um jogada que começou pela esquerda, a bola rondou a área do Barça até chegar a Cuadrado, no lado direito. O lateral cruzou com precisão para Weston McKennie acertar belo voleio para as redes.

continua após publicidade

O único lampejo de Messi no primeiro tempo aconteceu aos 21, quando acertou chute rasteiro e perigoso, mas Buffon se esticou para fazer a defesa com a ponta dos dedos. Antes do intervalo, o argentino caiu na área e os jogadores do Barcelona pediram penalidade, sem sucesso.

No segundo tempo, a Juventus não deu tempo de o Barça pensar em reação. Aos 6, Cristiano Ronaldo já comemorava seu segundo gol na partida. Lenglet acertara a mão na bola dentro da área e o português, na penalidade, bateu no canto, desta vez.

O time italiano jogava solto, confiante. Nas poucas vezes em que era ameaçado, contava com a boa atuação do experiente Buffon. Aos 27, Griezmann sofreu falta dentro da área. O árbitro chegou a anotar o pênalti, porém voltou atrás e anulou o lance porque Messi estava impedido na mesma jogada.

continua após publicidade

Três minutos depois, a Juventus anotou o quarto gol, em lance com Cristiano Ronaldo e Bonucci. Mas a jogada também foi anulada por impedimento. Nos minutos finais, Messi teve ao menos duas boas oportunidades para marcar o gol de honra dos anfitriões, mas parou em Buffon, em noite inspirada no Camp Nou.

Com o triunfo, a Juventus terminou a fase na primeira posição do grupo, o que dá vantagem de decidir o confronto das oitavas de final em casa. Além disso, deve escapar de rivais mais complicados no sorteio marcado para a próxima segunda-feira.