Mais lidas

    Esportes

    Esportes

    Ceni admite jogo abaixo do esperado do Flamengo, mas festeja planejamento correto

    Escrito por Da Redação
    Publicado em 11.04.2021, 16:55:00 Editado em 11.04.2021, 16:59:45
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    O técnico Rogério Ceni comemorou muito sua segunda taça no comando do Flamengo. Elogiou os jogadores, apesar de admitir que a apresentação foi abaixo do esperado diante do Palmeiras, e fez questão de ressaltar o "planejamento correto" que culminou com a conquista da Supercopa do Brasil nos pênaltis.

    "Reconheço que foi um jogo abaixo do que fizemos nos dois primeiros jogos. Mas O Flamengo é um clube que a camisa pesa muito, quando chega em decisões, a camisa do Flamengo pesa muito", festejou o treinador. "O coração vermelho e preto continua batendo forte. O Rio de Janeiro está feliz hoje."

    Depois de jogar em alta intensidade diante de Bangu (3 a 0) e Madureira (5 a 1), jogos com o retorno dos titulares, Ceni esperava repetir as grandes atuações no Mané Garrincha. Não foi o que aconteceu, mas ele ressalta que o planejamento vem dando resultado.

    "O maior mérito não é só do jogo. Eu acho que o planejamento que a gente fez para estar aqui. No início do Carioca muitos questionaram a gente de não estar na beira do campo. Demos alguns dias de folga e conseguimos trabalhar duas semanas", afirmou, ressaltando que o trabalho a mais vem dando resultados positivos.

    Extremamente alegre, ele fez questão de destacar o goleiro Diego Alves, herói nos pênaltis com três defesas. "Eu fico feliz por alguns motivos, o primeiro deles vem de dezembro, quando o Diego (Alves) estava para sair do Flamengo e eu sei o valor da experiência de um goleiro de 35 anos, o que ele pode acrescentar. Agora, ele devolve o esforço que foi feito para a permanência dele", rasgou elogios.

    Também destacou os reservas Michael e Vitinho, que vêm contribuindo quando os reservas foram usados no Estadual e quando exigidos no decorrer das partidas.

    "Michael teve boas jogadas individuais, Vitinho também. Gerson e Bruno Henrique eu queria manter, mas eles não aguentavam mais. O Gabriel veio na beira do campo falar para não tirar o Bruno, mas ele disse que não aguentava mais."

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Esportes

    Deixe seu comentário sobre: "Ceni admite jogo abaixo do esperado do Flamengo, mas festeja planejamento correto"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.