Esportes

Brasileiros param nas semifinais do sprint na Paralimpíada de Inverno

Da Redação ·

Os brasileiros Cristian Ribeira e Aline Rocha pararam nas semifinais nas provas de sprint do esqui cross-country nos Jogos Paralímpicos de Inverno de Pequim-2022, na madrugada desta quarta-feira. A dupla, que disputa a Paralimpíada pela segunda vez, voltará a competir na neve chinesa nos próximos dias.

continua após publicidade

Ribeira, que tem 19 anos e é de Rondônia, terminou no Top 10 da prova masculina ao ficar em nono lugar, com o tempo de 2min59s8. Ele é o atual vice-campeão mundial da modalidade. Aline Rocha, nascida no Paraná, ficou no 10º posto, com 3min55s2. A disputa feminina contou com 16 atletas no total.

"Eu disse ontem (terça) que não existiam favoritos, mas com o pessoal da China, tem sim. Eles vieram muito fortes, a prova estava muito difícil e muito disputada. A neve estava diferente da qualificatória, o sol apareceu, derreteu um pouco a neve, mudou muito a condição, a gente mudou os esquis. Fiz uma boa subida, mas fiquei em dúvida lá na parte alta. Saí do trilho do esqui para testar a neve, mas não foi bom, e os caras já estavam muito perto, era quase inevitável", comentou Ribeira.

continua após publicidade

No masculino, os chineses fizeram dobradinha no pódio com Peng Zheng, que conquistou a medalha de ouro, e Zhongwu Mao, com a prata. O canadense Collin Cameron completou o pódio ao levar o bronze.

Outros três brasileiros competiram nesta prova. O paraibano Robelson Lula ficou em 18º, com 2min34s19, enquanto os paulistas Guilherme Rocha e Wesley dos Santos terminaram a prova na 21ª (2min36s77) e 24ª colocação (2min39s14), respectivamente. A modalidade tinha 36 competidores no masculino.

No feminino, a China também dominou. Hongqiong Yang levou o ouro, a americana Oksana Masters ficou com a prata e a chinesa Panpan Li faturou o bronze.

continua após publicidade

"Esta foi uma das provas mais difíceis que disputei. Nas etapas de Copa do Mundo que participei, não havia participação das chinesas. Às vezes, não havia americanas. No entanto, aqui, estavam todas as melhores. Já bate aquela adrenalina, ansiedade. Mesmo sendo uma das provas mais difíceis, foi também uma das melhores. Passar para a semifinal com quantidade de atletas em disputa, estou muito feliz", comentou Aline Rocha.

Os cinco esquiadores brasileiros que competiram nesta quarta vão voltar à neve no sábado para as provas de média distância do esqui cross-country: 7,5km para mulheres e 10km para homens. O Brasil também vai competir no revezamento misto da modalidade e no snowboard.

O Brasil participa dos Jogos Paralímpicos de Inverno pela terceira vez, após competir em Sochi-2014 e em PyeongChang-2018. Os Jogos de Pequim-2022 serão encerrados no domingo.