Esportes

Brasil faz jogo tranquilo e vence Canadá por 3 a 0 na Liga das Nações de Vôlei

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A seleção brasileira masculina fez um jogo tranquilo no início da manhã desta quinta-feira (horário de Brasília) para vencer o Canadá por 3 a 0, em Osaka, no Japão, onde está sendo disputada a terceira e última etapa da fase classificatória da Liga das Nações de Vôlei. Assim como na partida anterior, contra a Alemanha, o ponteiro Leal foi o maior pontuador, desta vez com 15 pontos - um de saque, 13 de ataque e um de bloqueio.

continua após publicidade

As parciais foram de 25/18, 25/19 e 25/16, após uma atuação segura do Brasil, que teve outros destaques além de Leal. Darlan, segundo melhor pontuador contra os alemães, foi bem mais uma vez e contribuiu com 11 pontos durante a vitória, a sétima da seleção comandada por Renan Dal Zotto em dez jogos disputados no torneio. Os centrais Isac e Flávio também tiveram bons desempenhos, cada um com dez pontos.

Ainda no começo do primeiro set, Leal foi motivo de preocupação porque sentiu o tornozelo depois de um ataque. No fim das contas, não foi nada grave, tanto que ele continuou em quadra e se tornou um dos principais nomes da partida. Depois de cometer erros e deixar os canadenses viverem um bom momento na partida, lances de Bruninho e Flávio ajudaram a construir uma vantagem de 12 a 8, a partir da qual foi construído um caminho tranquilo para colocar 25/18 no placar final da parcial.

continua após publicidade

O Canadá voltou a se mostrar ameaçador durante o segundo set e chegou a abrir três pontos duas vezes durante a disputa dos pontos iniciais, mas os brasileiros viraram, voltaram a ser dominantes e fecharam em 25/19. Já o set final foi encerrado sem maiores sustos, com Leal forte no ataque para definir a parcial com a maior diferença do dia: 25 a 16, concluindo triunfo por 3 a 0.

Com a classificação virtualmente encaminhada, o Brasil tem compromissos diante de França, na sexta-feira, e Japão, no domingo, para encerrar a participação na fase classificatória da Liga das Nações. A fase final, que contará com as oito melhores equipes da etapa anterior, será disputada entre 20 e 23 de julho, em Bologna, na Itália.