Esportes

Brasil é convocado com força máxima para duelo contra a Alemanha na Copa Davis

Da Redação ·

A Confederação Brasileira de Tênis (CBT) anunciou nesta sexta-feira a lista dos convocados do time brasileiro na Copa Davis. E o time, ao contrário dos últimos confrontos, terá força máxima para enfrentar a Alemanha, no Rio de Janeiro, pela fase classificatória da competição por equipes.

continua após publicidade

Os jogos serão disputados nos dias 4 e 5 de março, no Centro Olímpico de Tênis, que sediou as partidas da modalidade durante os Jogos do Rio-2016. A CBT vai erguer uma quadra de saibro no local, de forma a beneficiar o estilo dos tenistas brasileiros. O vencedor se classifica para a fase final, na qual estarão presentes os 16 melhores times do mundo.

O Brasil terá nesta quadra os seus três melhores tenistas no ranking de simples e os dois melhores nas duplas. A equipe será composta por Thiago Monteiro, Thiago Wild, Felipe Meligeni, Marcelo Melo e Bruno Soares.

continua após publicidade

Meligeni é um dos remanescentes da vitória sobre o Líbano no ano passado, por 4 a 0, e que garantiu o Brasil para disputar essa fase classificatória. Junto com Monteiro e Wild, completa a equipe de simples para o confronto. Já Melo e Soares vão voltar a jogar juntos.

"Para este confronto contra a Alemanha, eu optei por chamar uma mescla de jogadores. Vamos misturar a experiência de tenistas como o Marcelo e o Bruno com a juventude do Thiago Monteiro, do Thiago Wild e do Felipe Meligeni", comentou o capitão brasileiro na Davis, Jaime Oncins.

Já a Alemanha, diferente do Brasil, não vem com força máxima para o confronto eliminatório. Alexander Zverev, principal nome do país na modalidade e atual número três do mundo, e Dominik Koepfer, 53º no ranking mundial, serão ausências no duelo.

continua após publicidade

"Será um confronto muito duro. (A Alemanha) É um time de bastante tradição em Copa Davis e sabe jogar no saibro também. Mas eu estou bastante confiante. Temos um grupo bom e vamos chegar com antecedência, para todos ficarem bem preparados e com foco total nesse confronto", analisou Oncins.

No retrospecto geral, a Alemanha leva a melhor contra o Brasil. Com 4 vitórias e duas derrotas, os europeus venceram o último duelo entre as equipes, em 2014. Os triunfos brasileiros vieram em 1992 e em 1959.