Esportes

Botafogo empata com Goiás e desperdiça chance de liderar a Série B

Da Redação ·

O Botafogo desperdiçou a chance de assumir a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro na noite desta terça-feira, quando empatou com o Goiás, por 1 a 1, no Serrinha, em Goiânia (GO), pela 32.ª rodada. Hugo e Joel Carli marcaram os gols logo no início do primeiro tempo.

continua após publicidade

Uma simples vitória deixaria o Botafogo na liderança, com 58 pontos. Mesma pontuação que o Coritiba, que mais cedo empatou com o CRB, por 1 a 1, em Maceió (AL), mas em vantagem pelo número de vitórias (ficaria 17 a 16). Como empatou, o Botafogo segue em segundo lugar, agora com 56 pontos.

Já o Goiás perdeu a chance de ganhar folga dentro do G-4, o grupo de acesso para a Série A. Os goianos se mantiveram em quarto lugar, com 53 pontos, mesma pontuação que o Avaí (3º), mas que ainda jogará na rodada e poderá abrir vantagem pelo acesso.

continua após publicidade

Os dois times confirmaram as expectativas de um confronto bastante aberto no início do primeiro tempo. Logo aos três minutos, Warley recuou mal, Diego Loureiro e Daniel Borges vacilaram e Hugo só teve o trabalho de completar para as redes, abrindo o placar para os donos da casa.

O Botafogo não se desestabilizou com o gol e, pouco tempo depois, aos dez, deixou o placar novamente empatado. Pedro Castro cobrou falta na barreira, mas a bola ainda assim voltou para os pés de Hugo, que cruzou na área e Joel Carli, na segunda trave, cabecear no canto esquerdo de Tadeu.

Com 1 a 1 no placar, os dois times tentaram ficar com a posse de bola e no campo de ataque. Só que o Goiás foi mais efetivo, tanto é que finalizou mais vezes ao gol de Diego Loureiro. Num desses lances, aos 24, Hugo, autor do primeiro gol, emendou chute da ponta esquerda e quase acertou o ângulo.

continua após publicidade

O Botafogo foi para o intervalo com apenas três finalizações à meta do Goiás, sendo que apenas a do gol aconteceu dentro da grande área, comprovando a dificuldade do time carioca em ingressar na área adversária.

No segundo tempo, o Botafogo melhorou em campo e soube bloquear as investidas do Goiás. Aos 15 minutos, Chay recebeu ótimo lançamento de Rafael Navarro e tocou de primeira para Diego Gonçalves. Mas o atacante dominou errado e finalizou muito mal, desperdiçando chance de virar o jogo.

O confronto ficou fraco tecnicamente. Os dois times estavam afobados para buscar o gol da vitória. Foram muitos os passes errados e jogadas aéreas sem direção. As alterações dos dois treinadores, com saídas de jogadores mais técnicos, também colaboraram para um duelo sem emoção.

continua após publicidade

O Goiás volta a campo na terça-feira para enfrentar a Ponte Preta, às 21h30, novamente no Serrinha, em Goiânia (GO). O Botafogo jogará apenas na quarta-feira, dia 3 de novembro, quando receberá o Confiança, às 19 horas, no Engenhão, no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA:

continua após publicidade

GOIÁS 1 x 1 BOTAFOGO

GOIÁS - Tadeu; Dieguinho, David Duarte, Reynaldo e Hugo; Fellipe Bastos, Caio (Rezende), Luan Dias (Dadá Belmonte) e Elvis. Alef Manga (Pedro Bahia) e Nicolas (Welliton). Técnico: Marcelo Cabo.

BOTAFOGO - Diego Loureiro; Daniel Borges, Joel Carli, Kanu e Hugo (Carlinhos); Barreto (Luís Oyama), Pedro Castro e Chay (Marco Antônio); Warley (Luiz Henrique), Rafael Navarro (Rafael Moura) e Diego Gonçalves. Técnico: Enderson Moreira.

continua após publicidade

GOLS - Hugo, aos 3, e Joel Carli, aos 10 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Hugo, Caio e Rezende (Goiás); Luiz Henrique (Botafogo).

ÁRBITRO - Anderson Daronco (RS).

RENDA - R$ 70.645,00.

PÚBLICO - 3.361 pagantes (3.594 no total).

LOCAL - Estádio Serrinha, em Goiânia (GO).