Esportes

Bia Haddad se diz motivada apesar de frustração em Wimbledon: 'Sigo firme'

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Vivendo grande momento na carreira, a brasileira Bia Haddad não fez jus às expectativas nesta segunda-feira e acabou sendo eliminado pela eslovena Kaja Juvan, número 62 do mundo, por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 4/6 e 6/2, em 1h56min de partida. Ela admitiu estar frustrada com o resultado, mas já falou em dar a volta por cima nas próximas disputas que tem pela frente.

continua após publicidade

"A minha adversária foi muito mais competente. Ela foi mais corajosa e agressiva durante o jogo e também competiu muito melhor. Eu saquei abaixo, devolvi abaixo, fui conservadora desde o começo e isso não condiz com os meus objetivos. Estou insatisfeita com o meu trabalho hoje. De qualquer forma, sigo firme e motivada para melhorar não só o meu tênis como também a minha atitude para as duplas", disse a brasileira.

Como a própria Bia salientou, ela voltará às quadras ao lado da polonesa Magdalena Frech, nas duplas. O desafio será contra as cabeças de número 6 do torneio, Lucie Hradecka e Sania Mirza. Já nas duplas mistas, estará ao lado de Bruno Soares.

continua após publicidade

Apesar da derrota em Wimbledon, Bia não apagou o bom momento, já que vem de dois importantes títulos conquistados em 2022, o WTA 250 de Nottingham e o de Birmingham. Além de ter sido campeã no WTA 125 de St. Malo. Até perder a semifinal do WTA 500 de Eastbourne para Petra Kvitová, ostentava a marca de 12 jogos de invencibilidade na grama.

Atual 28ª colocada do ranking mundial de simples, a melhor posição de uma brasileira na WTA, Bia Haddad também vem de bons resultados nas duplas, sendo campeã em Nottingham e do WTA 500 de Sydney. Além disso, ficou com o vice-campeonato do Australian Open.