Esportes

Benzema cobra 3 pênaltis e perde um, mas garante vitória do Real sobre o Celta

Da Redação ·

Benzema cobrou três pênaltis neste sábado, contra o Celta de Vigo, e só converteu dois, mas foi o suficiente para dar ao Real Madrid uma vitória por 2 a 1 no Estádio de Balaídos, pela 30ª rodada do Campeonato Espanhol. Das três penalidades, duas foram originadas em lances protagonizados por brasileiros: Éder Militão sofreu a falta que originou o primeiro gol e Rodrygo foi o atingido no lance do segundo pênalti, desperdiçado pelo francês.

continua após publicidade

Outro representante do Brasil que teve um momento de destaque na partida foi Thiago Galhardo, ex-Vasco e Internacional. O meia-atacante de 32 anos marcou um gol e comemorou tirando a camisa, por isso tomou cartão amarelo. Na sequência, viu o lance ser anulado pelo árbitro e ficou sem o gol, só com o cartão.

A vitória no na partida com acontecimentos peculiares mantém o Real Madrid tranquilo na liderança, com 69 pontos, no momento em que restam apenas oito jogos para o fim da liga nacional. O segundo colocado é o Sevilla, que tem 57 pontos e joga contra o Barcelona, terceiro, com 54, no domingo. O Celta de Vigo é o 11º colocado, com 36.

continua após publicidade

O Real Madrid iniciou a partida com bastante presença no campo de ataque, contando com investidas de Vinícius Jr., mas só conseguiu tirar o zero do placar em uma cobrança de pênalti convertida por Benzema, aos 18 minutos, após falta em Militão dentro da área. Atrás no placar, o Celta conseguiu chegar e criou chances de empatar.

O empate chegou a ser celebrado, e com muita intensidade, aos 38 minutos, quando o brasileiro Thiago Galhardo colocou a bola na rede, de cabeça, mas o gol foi anulado após análise do VAR. No lance, a bola bateu na trave esquerda do goleiro Dituro, pingou perto da trave direita e entrou sem tocar em ninguém.

Apesar disso, Aspas, em condição irregular, cercou a bola, enquanto Alaba tentava fazer o corte, situação que o árbitro considerou como uma interferência no lance. Quem mais saiu perdendo foi Galhardo, que teve o gol anulado e ainda recebeu um cartão amarelo, pois tirou a camisa durante a comemoração.

continua após publicidade

A igualdade no placar chegou a ser alcançada aos seis minutos, quando Nolito, sozinho na pequena área, empurrou para dentro do gol defendido por Courtois.Pouco tempo depois, aos 17, Rodrygo foi atingido na área: pênalti para o Real. Benzema cobrou de novo e dessa vez viu Dituro evitar o gol.

Em menos de cinco minutos, lá estava o árbitro apitando mais uma penalidade a favor do time merengue, após Mendy sofrer falta cometida por Vázquez. Confiante mesmo após ter desperdiçado uma cobrança momentos atrás, Benzema assumiu a responsabilidade e garantiu a vitória madrilenha. O Celta foi corajoso e acreditou até o fim, mandando até o goleiro para área no minuto final, mas não deu certo.