Esportes

Beatriz Ferreira vence italiana e vai tentar o segundo título mundial consecutivo

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Beatriz Ferreira garantiu presença na final do Mundial de Boxe, em Istambul, na Turquia, nesta quarta-feira, ao derrotar a italiana Alessia Mesiano, em decisão unânime dos jurados (5 a 0).

continua após publicidade

Atual campeã, a brasileira tenta o segundo título consecutivo. Ela lutou quatro vezes na competição e obteve um nocaute e três vitórias por 5 a 0.

A adversária da Bia na final, sexta-feira será a americana Rashida Ellis. As duas se conhecem muito bem, pois já se enfrentaram cinco vezes, com quatro vitórias da pugilista nacional.

continua após publicidade

Bia venceu Ellis no Mundial de 2019 (semifinal), no Pan de Lima de 2022 (final), no Continental das Américas de 2022 (final) e no torneio de Strandja de 2018 (final). A única derrota ocorreu na classificatória dos Jogos Pan-Americanos de 2019.

Bia soma na carreira 134 lutas, com 127 vitórias e sete derrotas. Ela disputou 36 torneios e só ficou de fora do pódio uma vez. Com a prata garantida, ela soma 28 ouros, cinco pratas e um bronze.

Já Caroline Almeida (52 quilos) perdeu na semifinal para a indiana Nikhat Zareen, por 5 a 0, e ficou com a medalha de bronze, a quinta do Brasil na história desta competição.