Mais lidas

    Esportes

    Esportes

    Auxiliar de Abel Ferreira, João Martins aprova limite de técnicos no Brasileirão

    Escrito por Da Redação
    Publicado em 25.03.2021, 08:34:00 Editado em 25.03.2021, 08:40:10
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Interino do Palmeiras enquanto o português Abel Ferreira passa seus últimos dias de férias em sua terra natal, João Martins aprovou o limite para troca de técnicos no Campeonato Brasileiro, anunciado na quarta-feira pela CBF após o Conselho Técnico da Série A. De acordo com a nova regra, cada time começará a competição com um treinador inscrito e, em caso de demissão, pode inscrever apenas mais um. Se houver nova troca, o profissional substituto deve estar a serviço do clube há pelo menos seis meses.

    "Essa medida já existe na Europa e, aqui no Brasil, concordo plenamente porque, com tanto volume de jogos, é difícil manter uma equipe no mais alto nível. Muitas vezes, há momentos um pouco mais baixos. E isso não invalida o trabalho e a competência dos jogadores e do treinador", argumentou João Martins. "É claro que todos queremos ganhar sempre, mas, com tantos jogos, é normal haver algum decréscimo e as vitórias não aparecerem. Com essa medida, pelo menos vai trazer um pouco mais de estabilidade e paciência para todos nós", completou.

    João Martins comandou o Palmeiras mais uma vez no empate por 1 a 1 com o São Bento, em Volta Redonda (RJ), em jogo atrasado da terceira rodada do Campeonato Paulista. Sem definição de quando será o próximo jogo, o auxiliar diz que o trabalho será visando a primeira partida da Recopa Sul-Americana, no dia 7 de abril, contra o Defensa y Justicia, na Argentina, já com Abel Ferreira no banco.

    "Temos uma semana até o fim do mês, não é muito tempo. Vamos trabalhar todo dia no melhor das capacidades. Dia 7 temos um jogo importante, vamos trabalhar sem pensar quando será o próximo jogo. Dia 7 temos uma competição que queremos ganhar muito e temos de estar no nosso melhor", explicou. A volta, em São Paulo, será uma semana depois.

    João Martins também falou sobre a atuação do panamenho Newton, de apenas 20 anos, que estreou no time profissional. Ele pediu calma com o garoto. "Ele é um jogador que chegou agora, é um vulcão a acontecer, temos de dar um pouco de tempo. Fez um jogo pelo sub-20 e já estreou aqui. Tem poderio físico, grande capacidade de chegar na área, mas temos de dar tempo a ele", finalizou.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Esportes

    Deixe seu comentário sobre: "Auxiliar de Abel Ferreira, João Martins aprova limite de técnicos no Brasileirão"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.