Esportes

Atlético-GO vence duelo na Argentina e se isola na liderança da Sul-Americana

Da Redação ·

Depois de estrear com o pé direito ao vencer o LDU-EQU por 4 a 0, o Atlético-GO manteve os 100% de aproveitamento na Copa Sul-Americana na noite desta terça-feira para se isolar na liderança do Grupo F. Fora de casa, na Argentina, venceu o Defensa y Justicia, pelo placar de 1 a 0, em pleno estádio Norberto Tomaghello, nas imediações de Buenos Aires. Wellington Rato, ainda no começo do primeiro tempo, marcou o único gol do jogo.

continua após publicidade

Com o resultado, o Atlético-GO aparece na primeira colocação do Grupo F, com seis pontos, deixando o rival para trás, em segundo com três. A chave ainda tem a LDU, também com três após vencer o Antofagasta-CHI, também nesta noite de terça-feira. O rival chileno, por sua vez, é o lanterna ainda zerado.

O Defensa y Justicia começou a partida fazendo pressão na área do Atlético-GO. Logo aos três minutos, Walter Bou deixou Marlon Freitas na saudade e bateu cruzado, mas ligado no lance, Luan Polli fez a defesa em dois tempos. O goleiro evitou também, aos sete minutos, o que seria um gol de letra de Merentiel.

continua após publicidade

Do outro lado, o Atlético-GO foi mais decisivo e em sua primeira resposta, tirou o zero do placar. Aos oito minutos, Dudu fez bela jogada individual e cruzou na medida para Wellington Rato, que de perna direita mandou a bola para o fundo das redes. Já na reta final do primeiro tempo, Merentiel acertou de cabeça uma bola na trave.

Na volta do intervalo, os donos da casa foram para cima em busca do empate. Aos três minutos, depois de uma bola alçada na área, Rotondi chegou chutando forte, mas a bola acabou subindo demais. Aos sete, foi a vez de Merentiel chutar na rede pelo lado de fora, perdendo mais uma boa chance para o Defensa y Justicia.

Apesar disso, a melhor chance aconteceu aos 28. Depois de um cruzamento na área, Tripichio apareceu livre e cabeceou firme, mas bem posicionado, Luan Polli fez boa defesa. Nos minutos finais, o duelo seguiu da mesma forma, com os argentinos fazendo pressão e o Atlético-GO fechado atrás para ficar com os três pontos. E, foi assim que o duelo seguiu até o apito final.

continua após publicidade

Os times voltam a campo daqui duas semanas para a terceira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. Na quarta-feira (27), o Atlético-GO visita o Antofagasta, no Chile. No dia seguinte, quinta-feira (28), o Defensa y Justicia recebe a LDU-EQU, mais uma vez no estádio Norberto Tomaghello. No fim de semana, pela segunda rodada do Brasileirão, o time goiano vai enfrentar o Red Bull Bragantino, domingo, às 18 horas, em Bragança Paulista (SP).

FICHA TÉCNICA

DEFENSA Y JUSTICIA-ARG 0 X 1 ATLÉTICO-GO

continua após publicidade

DEFENSA Y JUSTICIA - Unsain; Tripichio, Frías, Colombo e Soto; Gutiérrez, Loaiza (Hachen), Rotondi (Alanís) e Hugo Fernández; Walter Bou (Albertengo) e Merentiel (Fontana). Técnico: Sebastián Beccacece.

ATLÉTICO-GO - Luan Polli; Dudu, Wanderson, Edson e Jefferson; Baralhas, Marlon Freitas, Jorginho (Rickson) e Shaylon (Churín); Léo Pereira (Ramon Menezes) e Wellingon Rato (Hayner). Técnico: Umberto Louzer.

continua após publicidade

GOL - Wellington Rato, aos 8 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Carlos Betancur (COL).

CARTÕES AMARELOS - Hugo Fernández (Defensa y Justicia). Baralhas, Rickson e Hayner (Atlético-GO).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Norberto Tomaghello, em Buenos Aires (ARG).