Esportes

Athletico-PR segura empate e avança às quartas de final da Copa do Brasil

Da Redação ·

O Athletico-PR está classificado às quartas de final da Copa do Brasil. Após vencer na Arena da Baixada, por 2 a 1, o clube paranaense segurou um empate por 2 a 2 diante do Atlético-GO na noite desta quarta-feira, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia. De quebra, aumentou o tabu diante do rival.

continua após publicidade

O time paranaense não perde do Atlético-GO há 14 anos ou há 12 jogos (dez vitórias e dois empates). A última derrota foi em 2007, também pela Copa do Brasil.

Classificado, o Athletico agora aguarda o sorteio, a ser realizado pela CBF, para conhecer seu próximo adversário. Além de receber R$ 3,45 milhões de premiação.

continua após publicidade

A palavra de ordem do primeiro tempo foi equilíbrio. Ambos os clubes buscaram o gol, mas as oportunidades foram poucas. O Atlético Goianiense ameaçou logo de cara. Aos 13 minutos, Natanael recebeu de João Paulo e arriscou para a defesa de Bento, mas o árbitro acabou marcando posição irregular.

O Atlético era mais criativo, os ânimos ficaram exaltados em alguns momentos, mas o Athletico foi mais eficaz. Aos 44 minutos, Marcinho cruzou, Nikão tabelou com Renato Kayzer pela direita e deu para Christian. O volante acertou um bonito chute de primeira para inaugurar o marcador. Não dando qualquer esperança para o clube paranaense reagir ainda na etapa inicial.

No segundo tempo, o time goiano começou pressionando e teve um pênalti marcado de Richard em cima de Zé Roberto. O próprio atacante foi para a cobrança e deixou tudo igual aos dez minutos. Esta foi a nona falta dentro da área cometida pelo Athletico na temporada. O volante já havia cometido o pênalti na derrota contra o Atlético-MG.

continua após publicidade

O time paranaense, no entanto, reagiu rapidamente e não demorou para se colocar novamente à frente do marcador. O árbitro marcou pênalti de Éder em Renato Kayzer. Nikão foi para a cobrança, mas parou em Fernando Miguel. Bruno Arleu de Araújo mandou o lance voltar, o Athletico trocou o batedor e Renato Kayzer fez 2 a 1.

Com a vaga praticamente assegurada, o Athletico teve mais liberdade, muito por atuar sem pressão. Renato Kayzer chegou a fazer o terceiro, mas o árbitro, após consultar o VAR, pegou posição irregular e anulou o lance. O Atlético ainda buscou um último abafa e deixou tudo igual aos 51, com Éder, após rebote de Bento.

Os nervos ficaram exaltados nos minutos finais. Jogadores trocaram empurrões e muitos xingamentos. O árbitro chegou a consultar o VAR por causa de um possível cartão vermelho, mas nada foi marcado e o jogo acabou com classificação do Athletico.

continua após publicidade

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-GO 2 x 2 ATHLETICO-PR

continua após publicidade

ATLÉTICO-GO - Fernando Miguel; Dudu (Arnaldo), Oliveira, Éder e Natanael; Baralhas (Arthur Gomes), Willian Maranhão (André Lima) e João Paulo; André Luis (Toró), Zé Roberto e Janderson. Técnico: Eduardo Barroca.

ATHLETICO - Bento; Marcinho (Khellven), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nicolas (Márcio Azevedo); Richard, Christian (Léo Cittadini) e Terans (Zé Ivaldo); Nikão, Renato Kayzer (Carlos Eduardo) e Vitinho. Técnico: António Oliveira.

GOLS - Crhistian, aos 44 minutos do primeiro tempo. Zé Roberto, aos 10, Renato Kayzer, aos 24, e Éder, aos 51 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - João Paulo (Atlético-GO); Nicolas e Thiago Heleno (Athletico-PR).

ÁRBITRO - Bruno Arleu de Araújo (RJ).

RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.

LOCAL - Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).