Esportes

Após empate, técnico do Guarani foca em diminuir a distância para o G4 da Série B

Da Redação ·

O Guarani só empatou com o Cruzeiro por 1 a 1, em Campinas (SP), e perdeu a chance de encostar no G4 - a zona de acesso - da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar de achar que o ponto foi importante diante de um grande clube brasileiro, o técnico Daniel Paulista sabe que não pode perder o pelotão da frente de vista. Atualmente a distância está em quatro pontos.

continua após publicidade

"Saímos daqui com um ponto, que é importante. O Guarani vem construindo no segundo turno uma campanha melhor do que no primeiro, então temos que continuar trabalhando. É lógico que o foco é sempre olhar acima, procurar ao máximo diminuir a distância para as primeira colocações, para que a gente possa continuar na briga pelas primeiras vagas, que é nosso objetivo até o final da competição", analisou.

O Guarani ocupa a sexta colocação com 42 pontos, enquanto que o Avaí fecha o G4 com 46. A partida válida pela 27.ª rodada poderia ter rendido mais dois pontos. O problema foi o erro na bola parada, como admitiu Daniel Paulista.

continua após publicidade

"Erramos, pagamos caro por isso nesse aspecto de bola parada, mas pode ter certeza que vamos trabalhar em cima desse erro para que eles não aconteçam mais porque dificultam a estratégia, o planejamento para uma partida. E principalmente partidas contra adversários extremamente qualificados", lamentou.

Sem perder tempo, o Guarani voltará a campo neste sábado, às 16 horas, quando visitará o Brusque, no estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC), pela 28.ª rodada.

"Acho que, psicologicamente, a equipe não teve problemas na competição. Acho que em momentos de adversidade, que aconteceram mediante algum resultado imprevisto, a equipe se mostrou sempre forte. Em um momento ou outro, se perdeu, é algo natural na competição, mas de uma maneira geral tem sido positivo que a equipe não tenha se abalado diante das dificuldades", finalizou o treinador.