Esportes

Alcaraz se torna o mais jovem integrar top 5 do ranking da ATP desde Nadal

(via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A atualização do ranking da ATP desta segunda-feira confirmou a ascensão do espanhol Carlos Alcaraz à quinta colocação, a melhor de sua carreira. Com isso, o tenista de 19 anos se tornou o mais jovem a integrar o top 5 desde seu compatriota Rafael Nadal, que se colocou pela primeira vez entre os cinco melhores aos 18 anos, em 2005, dois anos depois do nascimento de Alcaraz.

continua após publicidade

O jovem espanhol perdeu o título do ATP 500 de Hamburgo para o italiano Lorenzo Musetti, mas já havia garantido o top 5 por ter conseguido a vaga na final. Se tivesse sido o campeão, estaria em quarto lugar. Musetti, por sua vez, deu um salto e tanto na classificação mundial, já que ganhou 31 posições para ficar com a 31ª.

"Estar entre os cinco significa muito, pois eu trabalho duro todos os dias. É um feito incrível e vou continuar buscando o meu sonho, que é me tornar o número 1 do mundo ", disse Alcaraz depois de perder a final. Ao subir para quinto, Alcaraz jogou o norueguês Casper Rudd para sexto lugar.

continua após publicidade

O restante do top 10 continua sem alterações. O russo Daniil Medvedev ainda lidera, seguido pelo alemão Alexander Zverev, Nadal e o grego Stefanos Tsitsipas. Abaixo de Alcaraz, estão Rudd, o sérvio Novak Djokovic, o russo Andrey Rublev, o canadense Felix Auger-Aliassime e o italiano Jannik Sinner. O melhor brasileiro é Thiago Monteiro, número 67.

No ranking feminino, a única mudança entre as dez primeiras colocadas foi a ultrapassagem da espanhola Garbiñe Muguruza, agora oitava colocada, sobre a americana Danielle Collins, nona. As duas estão à frente da britânica Emma Raducanu, que fecha o top 10.

A liderança ainda é da polonesa Iga Swiatek, dentro de um top 5 formado pela estoniana Anett Kontaveit, a grega Maria Sakkari, a espanhola Paula Badosa e a turca Ons Jabeur. A russa Aryna Sabalenka e a americana Jessica Pegula são as sexta e oitava colocadas, respectivamente. Entre as brasileiras, Beatriz Haddad Maia continua com seu histórico 26º lugar. Laura Pigossi, por sua vez, se aproximou do top 100 ao alcançar a 113º posição, a melhor de sua carreira no simples.