Esportes

Mano ignora vantagem de jogar depois de Venezuela e Paraguai

Da Redação ·
 Mano ignora vantagem de jogar  depois de Venezuela e Paraguai
fonte: CBF/DIvulgação
Mano ignora vantagem de jogar depois de Venezuela e Paraguai

A tabela do grupo B da Copa América favoreceu o Brasil, que esperava ter chegado à última rodada da primeira fase já com a classificação assegurada. A seleção enfrentará o Equador na noite de quarta-feira (13) após o confronto entre Venezuela e Paraguai. A vantagem de já saber o resultado dos concorrentes, contudo, não animou o técnico Mano Menezes.

continua após publicidade

- Não muda em nada, pois precisaremos da vitória independentemente do que acontecer antes. Vamos trabalhar para vencer. Temos plenas condições de fazer isso.

O comandante, calejado pelos empates com Venezuela e Paraguai, tratou de externar o seu respeito pelo Equador.

continua após publicidade

- É um adversário que vem de derrota para a Venezuela, mas fará um jogo diferente agora. Será difícil.

Os venezuelanos lideram o grupo B da Copa América com quatro pontos, contra dois dos brasileiros e paraguaios. Os equatorianos totalizam apenas um.

- A Venezuela jogou mais do que Brasil, Paraguai e Equador? E está na liderança da chave. Não existe justiça no futebol.

continua após publicidade

O Brasil enfrentará o Equador às 21h45 de quarta-feira, em Córdoba. Às 19h15, em Salta, a Venezuela tentará confirmar a liderança da chave diante do Paraguai, que também está na briga pela ponta da tabela.

- É a Copa América mais parelha dos últimos anos. A última Copa do Mundo já havia mostrado que todas as seleções sul-americanas estão bem, com organização tática. Embora Brasil, Argentina e Uruguai tenham mais tradição, as dificuldades eram esperadas. Ainda assim, acredito que essas três seleções passarão de fase.

As duas melhores equipes de cada chave avançam na competição, assim como as duas melhores terceiras colocadas. As quartas de final serão disputadas no fim de semana.