Esportes

Líder Timão defende série invicta de 2010 no retorno de Juninho ao Vasco

Da Redação ·
 Willian fez três gols em dois jogos contra clubes do Rio de Janeiro
fonte: Alexandre Cassiano - Globo.com
Willian fez três gols em dois jogos contra clubes do Rio de Janeiro

Primeiro colocado com um jogo a menos que os adversários direitos, o Corinthians agora é o time a ser batido no Campeonato Brasileiro. E vencer o líder, nesta quarta-feira, às 21h50m, no Pacaembu, tem um sabor todo especial para o Vasco. Enquanto os paulistas tentam confirmar o ótimo momento e disparar na classificação, os cariocas buscam a reação na reestreia do ídolo Juninho Pernambucano.

continua após publicidade

Mais do que a ponta da tabela e a briga pelo título nacional, o Timão defende também a continuidade de uma invencibilidade de 15 partidas no Brasileirão. O time não perde pelo torneio desde 13 de outubro de 2010, quando foi batido pelo mesmo Vasco por 2 a 0, em São Januário. Na ocasião, um triunfo colocaria a equipe paulista em primeiro lugar. Depois disso, foram dez vitórias e cinco empates.

A arrancada na atual temporada foi premiada na rodada anterior, com a vitória por 1 a 0 sobre o Bahia, em Salvador. O resultado, aliado à derrota do São Paulo para o Botafogo, colocou o Corinthians em primeiro, com 16 pontos, um a mais que o rival. A diferença pode ser ainda maior caso o Timão vença o jogo atrasado da quinta rodada, diante do Santos, marcado para 10 de agosto.

continua após publicidade

Garantido na Libertadores 2012 com o título da Copa do Brasil, o Vasco procura não se acomodar no Brasileiro. Para isso, precisa reagir depois de ser batido por 3 a 0 em casa pelo Cruzeiro. O revés derrubou a equipe para a nona colocação, com 11 pontos. Desta vez, a grande arma será a presença do meia Juninho Pernambucano, que retorna depois de dez anos no exterior.

O gaúcho Leandro Vuaden apita o duelo. Ele será auxiliado pelos conterrâneos José Chaves Franco Filho e Marcelo Bertanha Barison. A Rede Globo transmite a partida ao vivo para os estados de Sergipe, Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte, Pará, Amazonas, Rondônia, Roraima, Acre, Amapá e Rio de Janeiro (exceto Resende), além das cidades de Juiz de Fora-MG e Balsas-MA.