Esportes

Rogério Ceni rebate Dagoberto e indica racha no elenco do São Paulo

Da Redação ·
Foto: arquivo
fonte: Agências
Foto: arquivo

Indiretamente, o goleiro Rogério Ceni expôs ontem (30) à noite, ao fim da derrota para o Botafogo, que há um racha no elenco são-paulino. Questionado por repórteres sobre sua falha no primeiro gol alvinegro e a respeito da atuação da equipe, o goleiro foi claro na resposta a Dagoberto: "A nossa realidade não é essa".

continua após publicidade

No domingo, o atacante, falando sobre a goleada por 5 a 0 para o Corinthians, foi polêmico: "Voltamos à nossa realidade. Conseguimos algumas vitórias, mas muitas vezes foi meio aos trancos e barrancos. Temos de colocar os pés no chão, porque não estávamos na realidade". Recebeu críticas da torcida e a insatisfação do elenco.

Rogério Ceni foi o porta-voz. "A nossa realidade não é essa. É bem diferente dessa. É claro que temos nossas limitações, mas esse não é o São Paulo. No ultimo jogo teve a expulsão do Carlinhos, que é um atenuante para a derrota, não para a goleada. Temos condição de jogarmos melhor que jogamos essas duas rodadas", garantiu o capitão tricolor.

continua após publicidade

O goleiro ainda assumiu o erro no gol de Elkeson. "No primeiro gol hoje (quarta-feira), era uma bola defensável, depois teve um pênalti que eu achei duvidoso que matou toda a chance de reação".

Dagoberto não participou da partida desta quarta-feira. Na segunda-feira, se tornou pai pela segunda vez. Ganhou folga na terça e foi liberado do jogo por Paulo César Carpegiani. Ele, porém, teria dito que gostaria de jogar, apesar da legislação trabalhista brasileira permitir cinco dias de licença paternidade. A decisão do treinador indicaria uma punição ao jogador pela sua entrevista no domingo.