Esportes

Tite admite aceitar "refugos" de volta ao Corinthians

Da Redação ·
 Defederico não soube aproveitar as chances no Parque São Jorge
fonte: Marcelo Ferrelli/Gazeta Press
Defederico não soube aproveitar as chances no Parque São Jorge

Matías Defederico, hoje no Independiente-ARG, Lulinha, Boquita e Souza, jogadores que tantas dores de cabeça deram aos torcedores corintianos, podem voltar ao clube no futuro. Pelo menos foi isso o que deixou transparecer o técnico Tite, quando questionado primeiramente sobre o argentino, em vias de ser devolvido para o Timão.
- Ele é patrimônio do clube e merece meu respeito. Não sei o que foi combinado [entre o empresário do argentino e o gerente do futebol corintiano, Edu Gaspar], mas o meu pensamento é de que o técnico está em uma hierarquia abaixo [da diretoria] e tem que trabalhar e valorizar todos os seus atletas a fim de que eles possam ter um bom desempenho.

continua após publicidade

Uma definição sobre o assunto deve ocorrer nos próximos dias. É possível que Defederico volte a trabalhar no CT Joaquim Grava antes de encontrar outro clube, podendo até mesmo permanecer em definitivo no Corinthians, com quem mantém vínculo até 31 de agosto de 2013.

Outros quatro atletas vivem situações diferentes. O lateral-esquerdo Dodô, o volante Boquita, o meia Lulinha e o atacante Souza estão emprestados ao Bahia, adversário do Corinthians nesta quarta-feira (29), e não podem entrar em campo justamente por conta de cláusula em contrato.

continua após publicidade

- Gostaria que eles estivessem aqui e não me enfrentassem, pois são patrimônio do clube ainda. É duro, uma saia-justa. Dá para escolher diversos caminhos, mas se não se acha justo, teria que perguntar na hora de aceitar o empréstimo.