Esportes

Cielo se classifica para final dos 100m em segundo lugar

Da Redação ·
Cesar Cielo se classificou nesta sexta-feira para a final dos 100 metros livre masculino do Troféu Maria Lenk, que está sendo realizado no Rio de Janeiro, mas não com o domínio que está acostumado. O campeão mundial, que compete pelo Flamengo, conseguiu o segundo melhor tempo das semifinais, empatado com Vinicius Waked, com 49s25. A disputa de medalhas acontecerá no sábado. Cielo foi superado na sua semifinal por Bruno Fratus, que registrou o tempo de 49s00, mas não demonstrou preocupação com isso. "Está bom. É muito cedo ainda. Não me preparei tão bem e agora é tentar um tempo melhor pra amanhã. Fiz uma passagem bacana, mas relaxei no final. Meu objetivo não é ganhar de ninguém. Todos que entraram nas finais de 50 metros e 100 metros livre estão prontos para brigar por vagas. Meu objetivo pessoal é nadar abaixo dos 48s66", disse. Já Kaio Márcio Almeida, que compete no Troféu Maria Lenk pelo Fluminense, venceu a final dos 200 metros borboleta com o tempo de 1min55s22. Esta é a terceiro melhor marca da prova em 2011. "Estava cansado da final do borboleta de ontem (100 metros), mas é bom pra dar uma animada. Agora estou visando o Mundial. Entrei na prova sem foco de tempo, mas acabou que foi o meu melhor resultado", disse. As finais dos 50 metros costas foram vencidas por Fabíola Molina, do Minas, com 28s33, e de Daniel Orzechowski, do Pinheiros, com 25s65. Já a espanhola Mireya Belmonte, do Flamengo, com 2min09s95, triunfou na prova feminina dos 200 metros borboleta. As provas de revezamento 4x200 metros livre foram vencidas pelo Minas Tênis, na versão feminina, com Joanna Maranhão, Manuella Lyrio, Kirsty Coventry e Jessica Cavalheiro, e o Corinthians, com Thiago Pereira, Fernando Ernesto dos Santos, Ricky Berens e Oussama Mellouli, na versão masculina. CLASSSIFICAÇÃO - Restando dois dias de finais para o encerramento do Troféu Maria Lenk, o Minas Tênis segue na liderança folgada, com 1.828 pontos. O clube de Belo Horizonte é seguido por Pinheiros (1044,50 pontos), Corinthians (1011 pontos) e Flamengo (903,50 pontos).
continua após publicidade