Esportes

Alonso mostra insatisfação com quinto lugar no grid

Da Redação ·
A quinta posição no grid, atrás apenas dos carros da Red Bull e da McLaren, seria um resultado comemorado pela maioria das equipes na Fórmula 1, mas não pela Ferrari. Após marcar o quinto tempo no treino classificatório para o Grande Prêmio da Austrália, que abre a temporada da categoria, o espanhol Fernando Alonso mostrou bastante insatisfação. "Claramente, nós não podemos estar felizes com esse resultado, mas também não motivo para drama. Nós definitivamente não tiramos o máximo do carro. Nós fomos bem ontem (sexta-feira) e ficamos esperançosos com o carro, mas nessa manhã a situação mudou para pior", analisou o espanhol. Se tem poucas esperanças de ficar com a vitória em Melbourne, Alonso pelo menos acredita que tem condições de brigar por um lugar no pódio na abertura da temporada da Fórmula 1. "Quinto lugar no grid não é tão ruim e isso significa que estou em posição de lutar por um lugar no pódio em uma corrida que ainda está em aberto. No passado, Kubica largou em sexto ou sétimo e terminou em segundo", lembrou. Presidente da Ferrari, Stefano Domenicali também não se mostrou contente com o resultado do treino deste sábado. "Nós, definitivamente, não podemos estar felizes com a maneira como as coisas ocorreram nesta primeira sessão de qualificação da temporada e não há como negar isso. Pelo que vimos nos testes de inverno e nos treinos livres de sexta, nosso ritmo de corrida não é ruim e vamos tentar aproveitar ao máximo isso na corrida", disse o dirigente da equipe italiana, que destacou a importância de uma boa estratégia: "Este ano, mais do que em qualquer momento no passado recente, a estratégia será a chave, enquanto que a confiança, como sempre, continua a ser a prioridade número um".
continua após publicidade