Esportes

Dos Emirados, Abel vibra com virada 'histórica' do Flu

Da Redação ·
O renascimento do Fluminense na Taça Libertadores foi muito comemorado por jogadores e pelo técnico interino Enderson Moreira. Mas, de muito longe, houve quem vibrasse com a mesma intensidade. Apalavrado para assumir o clube em junho, Abel Braga viu o jogo dos Emirados Árabes e elogiou muito a atuação de sua futura equipe e do meia Deco. "Não teve dedo nenhum do Abel, só pensamento positivo. Foi tudo do Enderson e do Deco. Foi uma vitória histórica. Acho que pode ser o início de uma grande arrancada. Foi resgatada a memória recente desse time sofredor e lutador. Vi uma capacidade individual muito grande", disse Abel, em entrevista à Rádio Brasil. O treinador do Al Jazira estava particularmente animado com o que viu de Deco, que voltou a jogar depois de dois meses parados: uma bela assistência e um gol decisivo. "É um jogador pelo qual tenho admiração muito grande. O que me marcou foi o caráter dele", comentou o técnico, que comandou o Fluminense em 2005, conquistando o título do Carioca e o vice-campeonato da Copa do Brasil. Já o interino Enderson Moreira procurou minimizar sua importância para o resultado, destacando que a qualidade individual dos jogadores foi a verdadeira responsável pela virada dramática. "O grupo é maduro e não terá dificuldades de buscar o resultado fora de casa. Essa primeira vitória foi fundamental e tira o peso de nossas costas", analisou o treinador, que terá um segundo desafio não menor que o primeiro: vencer o Vasco em seu primeiro clássico carioca.
continua após publicidade