Esportes

Martelotte comemora volta da normalidade ao Santos

Da Redação ·
As derrotas para Colo Colo, na Libertadores, e Bragantino, pelo Campeonato Paulista, incomodaram o Santos e deixaram a equipe sob pressão para o duelo com o Mogi Mirim, quarta-feira, na Vila Belmiro, pela 15ª rodada do estadual. Por isso, a vitória por 3 a 1 foi comemorada pelo técnico Marcelo Martelotte, que exaltou a volta da tranquilidade ao time após o triunfo. "Nós trabalhamos com essa necessidade de vitória, não pela classificação no campeonato, mas por questão de autoestima do grupo. Estamos acostumados a trabalhar em cima de vitórias e não de derrotas, então acredito que voltamos à normalidade. Nosso ambiente nunca mudou, mas sabemos que é bem mais gostoso trabalhar depois de um resultado como esse", disse. As advertências recebidas por Zé Eduardo, Pará e Durval aumentaram a lista de desfalques do Santos. Além dos três jogadores suspensos, o técnico Marcelo Martelotte também não contará com Elano e Neymar, convocados para defender a seleção brasileira, contra o Ituano. Além disso, Arouca, Léo, Alex Sandro, Diogo e Maikon Leite estão contundidos. "Zé Eduardo, Pará e Durval receberam o terceiro amarelo e desfalcam o próximo confronto. Mas esperamos o retorno de alguns jogadores e não jogaremos com três zagueiros. Acredito muito em entrosamento e, com a repetição do esquema tradicional, os jogadores vão ganhando qualidade", afirmou Martelotte, que terá os retornos de Adriano e Danilo no domingo em Itu. Com o triunfo, o Santos chegou aos 31 pontos e permaneceu na quarta colocação. Martelotte espera uma sequência de vitórias para lutar pela liderança da primeira fase do Paulistão. "Temos que manter essa responsabilidade de conseguir mais vitórias e seguir em uma crescente. Quando se joga no Santos é assim", comentou.
continua após publicidade