Esportes

Aliado de Blatter critica candidatura de Bin Hammam

Da Redação ·
Um ex-dirigente da Confederação Asiática de Futebol criticou nesta segunda-feira a decisão de Mohamed bin Hammam de disputar a eleição para a presidência da Fifa contra Joseph Blatter e advertiu que o órgão que dirige o futebol mundial estará "condenado" em caso de vitória do catariano. Peter Velappan, é aliado de Blatter e foi secretário-geral da confederação asiática entre 1978 e 2007, disse que a proposta do catariano de trazer "sangue novo" para a presidência da Fifa é "a piada do século". Bin Hammam anunciou na sexta-feira a sua candidatura para suceder Blatter, que buscará uma nova reeleição. Velappan indicou que Bin Hammam dirige a Confederação Asiática de Futebol como um "autocrata" desde que assumiu a presidência da organização em 2002. A eleição na Fifa está marcada para o dia 1º de junho.
continua após publicidade